PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Pato é atraído por Sampaoli e pode voltar ao Brasil, mas negócio é difícil

Eder Traskini

Do UOL, em Santos (SP)

05/02/2019 12h09

O técnico Jorge Sampaoli quer contar com o atacante Alexandre Pato no Santos. Nesta terça-feira (5), o argentino conversou com o jogador do Tianjin Tianhai, da China, e recebeu uma resposta positiva do atleta por um possível retorno ao Brasil.

Pato gosta de ideia de atuar no Santos por dois motivos: ser dirigido pelo treinador argentino e aparecer mais para ter chances de disputar a Copa América deste ano. Ele ainda tem esperança de atuar na competição que será realizada no Brasil e vê o Santos como boa oportunidade para se destacar aos olhos de Tite.

Leia também:

No entanto, a negociação é bastante complicada para o Peixe. O Santos não teria condições de pagar para tirá-lo de seu clube na China e aguarda por uma rescisão contratual. Pato tem vínculo com o Tianjin até dezembro deste ano, mas o clube passa por sérios problemas após um de seus proprietários ter sido preso

Alexandre Pato faz gol para o Tianjin Quanjian na China

UOL Esporte

A situação do Santos no caso é similar à do São Paulo, que gostaria de contar com a volta do atacante, só que dependendo de uma liberação sem custos dos chineses.

O jogador é tratado por Sampaoli como prioridade e encaixaria no esquema do argentino que não utiliza um centroavante mais preso dentro da área. Pato alia as características de uma boa finalização e a mobilidade pedida pelo treinador.
 

Futebol