PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Rompido com Atlético-MG, pai de Elias já teve conflitos com Sporting

Elias não se manifestou após declaração do pai sobre o Atlético-MG - Pedro Vale/AGIF
Elias não se manifestou após declaração do pai sobre o Atlético-MG Imagem: Pedro Vale/AGIF

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

25/01/2019 04h00

As críticas feitas por Eliseu Trindade, pai e agente de Elias, à diretoria do Atlético-MG, que complicaram ainda mais o clima entre o filho e o clube não é uma novidade em sua carreira como representante. Em 2014, ele entrou em conflito com o Sporting, de Portugal, com a ideia também de resolver a situação do filho. Após o empréstimo de uma temporada para o Flamengo, entre janeiro e dezembro de 2013, o pai do jogador teve dificuldades para conseguir que o atleta deixasse o estádio José Alvalade.

Os empecilhos vistos no caminho, a forma de se posicionar de Bruno de Carvalho, então dirigente do Sporting, e a ida para o time B fizeram o pai do jogador a se manifestar de forma veemente. Ele chegou a dizer que "Elias se sentia humilhado" no time lisboeta.

Leia mais:

"O Elias se sente humilhado. Quem não se sentiria assim, depois de ter feito uma bela temporada no país que vai receber a Copa do Mundo, e agora treina de forma precária na equipe B, há mais de 45 dias sem jogar e vivendo sozinho num quarto de hotel? Como é que um presidente que lidera um projeto de mudança do futebol português tem esta postura? Quem quer ser o salvador da pátria tem de dar o exemplo. Ele que abra as portas da Academia (CT do Sporting) para que se veja como são os treinos do melhor volante do Brasileirão 2013 e que abra também o contrato que foi feito entre o fundo de investimento e o Sporting, porque é aí que está o problema", afirmou ao jornal Record na ocasião.

À época, Eliseu dizia ainda que tinha um documento assinado por Bruno de Carvalho com a autorização para negociar com qualquer clube do Brasil.

Depois das dificuldades para deixar o Sporting por conta da discussão entre pai e o então gestor do clube, Elias se acertou com o Corinthians. A mudança só aconteceu em 14 de julho de 2014, quando reabriu a janela de transferências internacionais, daquele ano.

Presidente do Atlético-MG comenta situações de Elias e Luan

Band Sports

No Atlético-MG, o parente do volante volta a ter problemas. Eliseu se irritou com o presidente Sérgio Sette Câmara na última quarta-feira (23) e se manifestou sobre o tema de forma pública.

"Hoje o jogador está sem clima. O presidente é chamado para conversa, mas não comparece às reuniões. A última reunião foi na última segunda-feira. Quem compareceu foi o diretor de futebol e um advogado do clube. Para minha surpresa, mais uma vez, eles vieram com a seguinte afirmação: não liberam o Elias para o Inter e também não renovam o contrato nesse momento", disse à Band RS.

Elias tem mais um ano de contrato com o Atlético, mas em dezembro passado recebeu a autorização do clube para negociar com o Internacional. Após dar o aval, os mineiros mudaram de ideia e desistiram da negociação. O fato causou irritação em Eliseu Trindade, que pediu para renovar o atual vínculo ou ser liberado para assinar por três anos no Beira-Rio.

Futebol