Topo

Futebol


Presidente da Conmebol critica Mundial de Clubes e revela planos para novo

Suhaib Salem/Reuters
Imagem: Suhaib Salem/Reuters

Do UOL, em São Paulo

24/01/2019 10h39

O presidente da Conmebol, Alejandro Dominguez, criticou o atual modelo do Mundial de Clubes. Sem saber dizer se haverá uma edição em 2019, o dirigente afirmou ter enviado à Fifa uma sugestão para um novo formato.

"A Conmebol fez uma sugestão à Fifa para que os campeões e vices da Libertadores e da Sul-Americana possam disputar o torneio com os quatro melhores da Europa [campeões e vices da Liga dos Campeões e Liga Europa]. Dessa maneira, teríamos 16 equipes [somando os representantes de outros continentes]. Acho que essa seria uma oportunidade", afirmou, durante participação no "SporTV".

Dominguez discordou da proposta da Fifa de um torneio feito de quatro em quatro anos, que assumiria o espaço deixado pela extinta Copa das Confederações. "Os clubes precisariam esperar quatro anos para jogar o Mundial, provavelmente com outros jogadores, outros treinadores e outros dirigentes".

O formato atual organizado pela Fifa foi disputado durante 15 edições. O primeiro campeão foi o Corinthians, em 2000. Em 2018, o Real Madrid ficou com a taça ao vencer o Al Ain, dos Emirados Árabes Unidos.

Futebol