PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Carneiro pediu desculpas ao elenco do São Paulo, diz Hudson

Volante é um dos líderes do elenco do Tricolor e dá voto de confiança ao uruguaio - Marcello Zambrana/AGIF
Volante é um dos líderes do elenco do Tricolor e dá voto de confiança ao uruguaio Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Do UOL, em São Paulo

22/01/2019 12h32

Em entrevista à Fox Sports, o volante Hudson contou que Gonzalo Carneiro pediu desculpas ao elenco do São Paulo pelos episódios do último fim de semana. O uruguaio não se apresentou na concentração do Tricolor, sexta-feira, para o jogo contra o Mirassol e nem foi treinar no sábado, como fizeram os atletas não relacionados para a estreia no Campeonato Paulista.

LEIA MAIS:
- Menon: Carneiro é grande só no tamanho e na falta de profissionalismo
- Arboleda explica novo estilo do São Paulo e cobra título em 2019
- Tricolor promete apurar problema na entrada de torcedores no Pacaembu

"A gente entende a insatisfação de não jogar, de querer estar sempre entre os 11. Nem sempre é possível. O importante é o profissionalismo. Já conversamos com ele, ele já pediu desculpas, (a gente) espera que não aconteça novamente, que todo mundo tenha uma cabeça só para o bem do São Paulo", afirmou o volante, um dos líderes do elenco e capitão na ausência de Hernanes.

Aliás, a liderança compartilhada com o Profeta é motivo de orgulho para Hudson. Ele acredita que o grupo tem ainda outras referências e que isso dá mais tranquilidade para os jogadores trabalharem.

"O Hernanes é o ídolo máximo, com experiencia, para o torcedor e para nós também. Já fui capitão tão. Acho que essa liderança dividida é boa para o São Paulo. Acho que dividir as lideranças vai ajudar, para que todo mundo fique o mais tranquilo possível", exaltou.

São Paulo se reforçou com Hernanes e mais jogadores

UOL Esporte

Futebol