PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Neymar discorda de críticas de Pelé e vê fama de "cai-cai" injusta

Do UOL, em São Paulo

20/01/2019 21h24

Neymar discordou das críticas feitas por Pelé. Em entrevista realizada pelo 'Canal Football Club', que foi ao ar neste domingo (20), o atacante afirmou que as análises realizadas pelo Rei são injustas. Além disso, o camisa 10 do PSG comentou sobre outros assuntos, como o seu relacionamento com atual treinador a possibilidade de se transferir para outra equipe.

Após receber a fama de "cai-cai" na Copa do Mundo disputada na Rússia, a atual estrela da seleção brasileira foi duramente criticada por Pelé, que afirmou: "Neymar começou a aparecer de outra forma, não marcando gols, mas simulando faltas, complicando a vida dos árbitros".

Questionado sobre as declarações, Neymar rebateu: "Em nenhum momento eu fiz teatro. Quando você não ganha, as críticas chegam. Eu não fiz teatro durante a Copa do Mundo, eu sofri muitas faltas", disse o atleta.

"Hoje, as pessoas falam muito sobre isso qualquer coisa que o Neymar faz fora do futebol. Respeito as críticas de Pelé, mas não concordo", continuou.

Relação com o Thomas Tuchel

Durante o programa, Neymar também comentou que seu relacionamento com Thomas Tuchel, atual técnico do PSG, é praticamente perfeito. Segundo o atacante, ele adquiriu uma espécie de afeto pelo comandante.

"Desde a primeira vez que nos falamos, desenvolvi esse grande afeto por ele. Quando você tem esse grande afeto pelo seu treinador, você dá a sua vida no campo. Então, para ele, farei o meu melhor para vencer", revelou.

Transferência para o Real Madrid

O nome do jogador revelado pelo Santos está constantemente ligado a outros clubes. Na atual janela de transferências, Real Madrid e Barcelona são os times cotados para contratar o velocista. Neymar, no entanto, garantiu que não há nenhuma negociação em andamento.

"Desde que me tornei um jogador de futebol profissional, sempre houve especulações de que eu iria deixar outros clubes, mas nada muito concreto. Assim que houver algo certo, fique tranquilo, falarei com todos. Eu vou estar à altura da tarefa e estou muito ciente sobre isso também", afirmou. 

Futebol