PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Brexit? Treinador inglês se irrita: "Dane-se o resto do mundo"

Ben STANSALL / AFP
Imagem: Ben STANSALL / AFP

Do UOL, em São Paulo

16/01/2019 15h05

O Brexit divide opiniões. Enquanto o Parlamento britânico rejeitou o acordo proposto pela primeira-ministra Theresa May, há vozes que se expressam com firmeza a favor da saída do Reino Unido da União Europeia. Até no futebol.

"Eu mal posso esperar para sair disso, para ser sincero. Eu acho que será melhor para nós se ficarmos fora desta m... em todos os aspectos. Inclusive no futebol, absolutamente. Dane-se o resto do mundo", afirmou Neil Warnock, técnico do Cardiff City.

A forte declaração foi feita em coletiva de imprensa no sábado (12), antes de o Parlamento britânico rejeitar o acordo do Brexit nesta terça-feira (15). O treinador inglês acusa os políticos de não ouvirem a vontade do povo.

"Eu não sei porque os políticos não fazem o que o país quer, para ser sincero. Nós tivemos um referendo, e agora vemos diferentes políticos e todo mundo tentando colocar o pé no caminho. Por que tivemos um referendo então?", questionou.

No entanto, o referendo foi marcado por um fenômeno curioso. Horas após a votação, em 2016, as estatísticas do Google mostraram aumento de 2.450% no número de pesquisas pelas questões "o que é a União Europeia" e o "que significa sair da União Europeia".

Uma pesquisa conduzida pelo NatCen em setembro de 2018 apontou que a maioria dos britânicos teria votado contra o Brexit se o referendo tivesse sido realizado novamente.

Neil Warnock disse não acreditar que o processo de saída da União Europeia dificultará contratações de jogadores. "Eu acho que assim que o país souber o que está fazendo, poderemos contratar diretamente. Qualquer janela de transferência é difícil para mim, não apenas essa", disse.

Futebol