PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Presidente do Santos diz que fará "esforço" por Valdivia se Sampaoli pedir

Valdivia tem 35 anos e contrato com o Colo-Colo até o final de 2019 - Ale Cabral/AGIF
Valdivia tem 35 anos e contrato com o Colo-Colo até o final de 2019 Imagem: Ale Cabral/AGIF

Do UOL, em São Paulo

26/12/2018 17h02

O presidente do Santos, José Carlos Peres, afirmou ao jornal chileno "La Cuarta" que fará esforços para trazer o meia Jorge Valdivia, atualmente no Colo-Colo, caso o técnico Jorge Sampaoli peça sua contratação. Questionado pela publicação, o dirigente destacou a amizade do atleta de 35 anos com o treinador, que está analisando o elenco para determinar os reforços necessários.

"Sabemos que Valdivia tem jogado muito bem no Colo-Colo, pudemos ver na Libertadores. E acredito que há outros clubes que também o acompanham. Vocês sabem que nós contratamos Jorge Sampaoli como treinador, é um técnico de muita trajetória e que está observando nosso elenco para saber com quais jogadores ficará. Ele deverá estar aqui em janeiro, mas enquanto isso estamos analisando as opções de reforços", disse Peres ao jornal.

"Você sabe que Valdivia é muito amigo de Sampaoli, e isso também é importante. Se o treinador nos pedir, faremos um esforço para trazer Valdivia. Condições ele tem. Mas esclareço que ainda não conversamos com o jogador sobre a possibilidade de ir para o Santos", completou.

Com Sampaoli, Valdivia se destacou principalmente na conquista da Copa América de 2015, quando foi titular em toda a campanha, que culminou com vitória sobre a Argentina na final. O contrato do meia com o Colo-Colo vai até o final de 2019.

Até o momento, o Santos não oficializou nenhuma contratação para a próxima temporada. O elenco ainda vive algumas indefinições: os laterais Victor Ferraz e Dodô, por exemplo, ainda não têm permanência assegurada para o ano que vem. A equipe também perdeu seu principal jogador, Gabigol, artilheiro do Campeonato Brasileiro, cujo vínculo de empréstimo se encerrou.

Futebol