PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio não desiste e negocia forma de pagamento ao Cruzeiro por T. Neves

Thiago Neves deu sinal positivo ao Grêmio para mudança a Porto Alegre - DOUGLAS MAGNO / AFP
Thiago Neves deu sinal positivo ao Grêmio para mudança a Porto Alegre Imagem: DOUGLAS MAGNO / AFP

Jeremias Wernek e Thiago Fernandes

Do UOL, em Porto Alegre e Belo Horizonte

23/12/2018 04h00

O Grêmio não desistiu de contar com Thiago Neves, mesmo com a manutenção de Luan em Porto Alegre. A fim de atender o pedido de Renato Portaluppi, os gaúchos preparam uma nova oferta para tirar o meia-atacante do Cruzeiro.

A primeira proposta do Tricolor, avaliada em R$ 5 milhões, foi recusada pelos mineiros, que querem no mínimo R$ 8 milhões à vista para liberar o bicampeão da Copa do Brasil, conforme adiantada pelo UOL Esporte. Depois, houve a possibilidade de envolver Luan em troca por Thiago Neves, Murilo e Raniel. As conversas, entretanto, não avançaram devido à resistência gremista (veja, abaixo, a proposta feita pela Raposa a Luan).

A ideia de envolver Luan nas tratativas se deu em um encontro informal e inesperado de dois dirigentes no Aeroporto Internacional de São Paulo-Guarulhos.

Hoje, o Grêmio avalia uma forma de atender ao pedido cruzeirense. Uma possibilidade estudada é pagar um valor acima dos R$ 8 milhões, mas de forma parcelada. Os gaúchos ainda não fizeram nova oferta para contar com o jogador de 33 anos, mas pretendem avançar no negócio. O pagamento à vista é algo completamente descartado pelos gaúchos.

Thiago Neves tem contrato com o Cruzeiro até dezembro de 2019 e, por motivos pessoais, vê com bons olhos uma saída de Belo Horizonte. Ele, inclusive, chegou a acertar bases salariais e tempo de contrato com o Tricolor Gaúcho. Na Arena do Grêmio, ele teria vínculo de duas temporadas e vencimentos de R$ 700 mil.

Com multa rescisória de US$ 10 milhões (R$ 39 milhões), Thiago Neves está na Toca da Raposa II desde janeiro de 2017. O atleta venceu duas edições de Copa do Brasil em Belo Horizonte e foi campeão mineiro nesta temporada pelo clube. Ele fez 110 jogos e marcou 32 gols em sua estadia na capital mineira.

Luan poderia ir para o Cruzeiro - Lucas Uebel/Grêmio - Lucas Uebel/Grêmio
Luan poderia ir para o Cruzeiro
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio

Para ter Luan em definitivo, o Cruzeiro estava disposto a gastar bastante. O atleta teria cinco anos de contrato, com salários que poderiam chegar a R$ 1,1 milhão no primeiro ano. O teto seria ampliado progressivamente e aumentaria R$ 100 mil por temporada, com a possibilidade de atingir R$ 1,5 milhão no quinto ano de vínculo. A comissão de atletas e empresários seria de R$ 8 milhões, sendo R$ 6 milhões à vista e R$ 2 milhões parcelados.

Os mineiros seriam donos de 60% dos direitos econômicos do atacante. Luan teria multa rescisória de 15 milhões de euros (R$ 66,7 milhões na cotação atual).

Luan tem contrato com o Grêmio até dezembro de 2020. O jogador de 25 anos tem multa rescisória de 18 milhões de euros (R$ 80 milhões) em Porto Alegre.

Futebol