PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Agente busca novos clubes, e Barcos pode deixar Cruzeiro no início de 2019

Hernán Barcos tem contrato até julho. No entanto, pode deixar Cruzeiro antes do fim do vínculo - Pedro Vilela/Getty Images
Hernán Barcos tem contrato até julho. No entanto, pode deixar Cruzeiro antes do fim do vínculo Imagem: Pedro Vilela/Getty Images

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

22/12/2018 04h00

Hernán Barcos pode deixar o Cruzeiro nesta janela de transferências. Embora tenha contrato até julho de 2019, o centroavante procura novo clube após a recuperação de Fred.

O argentino, que recebe cerca de R$ 400 mil por mês, tem um salário considerado elevado pela diretoria e foi autorizado a buscar uma nova oportunidade.

David Barcos, irmão e agente do centroavante, é quem se encarrega de buscar um destino para o estrangeiro que fez 24 jogos e três gols desde a sua chegada à Toca da Raposa II.

"Pode [deixar o Cruzeiro] sim. O futuro dele pode ser no Brasil ou no exterior, estamos abertos [a propostas]", disse o empresário do atleta por meio de mensagem telefônica ao UOL Esporte.

Hernán Barcos foi titular do Cruzeiro de Mano Menezes no segundo semestre de 2018. O argentino rescindiu com a LDU, do Equador, para firmar acordo de uma temporada com a Raposa. O seu vínculo tinha opção de renovação por mais um ano. No entanto, por conta do vencimento elevado e da baixa produtividade, ele pode deixar a equipe em 2019.

As recuperações de Fred e Sassá, que passaram boa parte do ano lesionados, também influenciam na iminente saída do Pirata, como o atleta é conhecido. A dupla está à disposição de Mano Menezes para o ano seguinte e é tida como fundamental para a equipe. Raniel é outro atleta para a função. O jovem, entretanto, pode deixar a Toca da Raposa II na próxima temporada.

Futebol