PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Jornal diz que Real procurou Mourinho e deixou "porta aberta" para retorno

Mourinho no Real? El Pais diz que clube espanhol procurou o treinador - Nathan Stirk/Getty Images
Mourinho no Real? El Pais diz que clube espanhol procurou o treinador Imagem: Nathan Stirk/Getty Images

Do UOL, em São Paulo (SP)

19/12/2018 11h36

O destino de José Mourinho poderia ser outro completamente diferente. Demitido do Manchester United na última terça-feira (18), o português recebeu há dois meses uma consulta para retornar ao Real Madrid na próxima temporada. A informação foi publicada nesta quarta (19) pelo jornal El Pais, que revelou uma consulta feita pelo clube da capital espanhola ainda no mês de outubro.

Leia mais

Segundo reportagem, José Ángel Sánchez, diretor geral do Real Madrid, abriu conversa com Jorge Mendes, representante de Mourinho, para apresentar um projeto de retorno ao treinador luso, que dirigiu a equipe entre 2010 e 2013.

A proposta foi prontamente rejeitada, dado o compromisso com o Manchester United; entretanto, nenhuma porta foi fechada entre as partes, que poderiam conversar novamente no futuro com um possível fim de relação na Inglaterra - o que ocorreu nesta terça.

A publicação afirma que o Real Madrid mantém Mourinho nos planos, ainda mais depois da demissão da última terça-feira. Embora Santiago Solari tenha assinado compromisso longo (até 2021), a presença do argentino na próxima temporada é tratada como uma incógnita - depende diretamente dos resultados, até aqui considerados insatisfatórios.

Para convencer Mourinho, o Real Madrid promete em contrato dar total liberdade para o português no mercado de transferências, de acordo com o El Pais. O treinador entraria diretamente na conversa por reforços e agiria como um manager ao lado de Florentino Pérez e diretoria. O salário anual chegaria aos 20 milhões de euros (R$ 89 milhões).

O El Pais diz que Mourinho e Jorge Mendes deixaram em aberto a possibilidade de esquentar a conversa com o Real Madrid. A aposta do jornal é que a saída do United facilite a movimentação de negócio para o português assumir o maior vencedor de Liga dos Campeões no próximo verão europeu.

A diretoria vê Mourinho como nome ideal para extrair o melhor do grupo de atletas e dos líderes entre os atletas, como Marcelo e Sérgio Ramos. O atual diagnóstico é que Solari, alguém sem histórico no cargo, não consegue motivar um elenco que ganhou praticamente tudo nas últimas temporadas. 

Futebol