PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Botafogo vê verba de Matheus Fernandes ser penhorada por ação na Justiça

Verba da venda de Matheus Fernandes foi penhorada por ação de Oswaldo de Oliveira - Thiago Ribeiro/AGIF
Verba da venda de Matheus Fernandes foi penhorada por ação de Oswaldo de Oliveira Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro

19/12/2018 16h32

O Botafogo levou um duro golpe nesta quarta-feira. Isso porque o Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro penhorou R$ 6,4 milhões oriundos da venda de Matheus Fernandes ao Palmeiras. Tudo por conta de um processo movido pelo técnico Oswaldo de Oliveira, com passagem no clube entre 2012 e 2013.

O departamento jurídico do Botafogo entrará com um recurso para reverter a decisão ainda nesta quarta-feira. A decisão foi de uma juíza substituta e o Alvinegro considera que não cabe a ela redefinir algo apreciado pelo juiz titular. Caso ela mantenha a decisão, o clube irá recorrer aos tribunais.

O Botafogo diz ainda que o valor pedido por Oswaldo de Oliveira é descabido. A ação ainda poderá ser reconsiderada e até mesmo haver um acordo entre as partes quando chegar o momento adequado. A informação foi divulgada pelo globoesporte.com e confirmada pelo UOL Esporte.

O dinheiro da venda de Matheus Fernandes é fundamental para o Botafogo que usará a verba para pagar novembro e dezembro aos atletas. Além do volante, o Alvinegro pode perder Igor Rabelo, na mira do Atlético-MG, com negociações ativas

Oswaldo de Oliveira treinou o Botafogo a partir de 2012 e recolocou o clube na Libertadores após 19 anos longe da competição internacional. No período ele treinou o time que contava com Seedorf e Vitinho, que acabou vendido para o CSKA-RUS.

Futebol