PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Atlético-MG escuta pedida do Cerro e tenta composição por Diego Churín

Diego Churín em treino do Cerro Porteño, atacante está na mira do Atlético-MG - Divulgação/Cerro Porteño
Diego Churín em treino do Cerro Porteño, atacante está na mira do Atlético-MG Imagem: Divulgação/Cerro Porteño

Thiago Fernandes

Do UOL, em Belo Horizonte

18/12/2018 04h00

O Atlético-MG já sabe o que o Cerro Porteño, do Paraguai, pede para liberar Diego Churín e também quanto o jogador gostaria de receber na Cidade do Galo. Os paraguaios querem US$ 2,5 milhões (R$ 9,7 milhões), e o atleta deseja salários de US$ 700 mil (R$ 2,7 milhões) anuais, algo próximo de 58 mil dólares por mês (cerca de R$ 226 mil mensais).

O valor pedido pelo Cerro é considerado elevado. Por outro lado, o clube está disposto a pagar o que o jogador quer receber em uma eventual transferência.

Gustavo Goñi, agente do atleta de 29 anos, é quem representa o clube mineiro na negociação por Diego Churín. Ele recebeu uma autorização do presidente Sérgio Sette Câmara para conduzir as tratativas.

O empresário, que também agencia Lucas Pratto, sabe que o valor pedido pelo Cerro é considerado elevado pela cúpula mineira e tenta acertar por um montante inferior. O Galo estuda uma composição para pagar no máximo US$ 1,5 milhão (R$ 5,8 milhões) pela contratação do atacante.

Em Luque, no Paraguai, para o sorteio da Copa Libertadores, o diretor de futebol Marques aproveitou para se encontrar com o representante alvinegro no negócio. O dirigente se informou sobre o andamento das conversas e espera um desfecho nos próximos dias.

A procura do Atlético por Diego Churín foi feita na última semana. Gustavo Goñi foi autorizado a viajar a Assunção, capital paraguaia, na última quarta-feira (12) para tratar da situação.

O centroavante de 29 anos é visto como uma sombra a Ricardo Oliveira, titular absoluto do time comandado por Levir Culpi na atual temporada. Ele tem contrato com o clube do Paraguai até junho de 2021.

Em 2018, Diego Churín marcou 22 gols em 51 partidas pelo Cerro Porteño. No ano passado, ele venceu o Campeonato Paraguaio pela equipe.

Futebol