PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Saída de Arana ainda afeta Corinthians; 6 atletas já foram testados em 2018

Arana brilhou com o Corinthians em 2017, com assistências e jogadas de efeito - Miguel Schincariol/Getty Images
Arana brilhou com o Corinthians em 2017, com assistências e jogadas de efeito Imagem: Miguel Schincariol/Getty Images

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

13/11/2018 12h00

O Corinthians aceitou há quase um ano uma proposta do Sevilla por Guilherme Arana, uma das maiores revelações do clube nas últimas temporadas. Mesmo depois de tanto tempo, a saída do lateral esquerdo ainda afeta o time paulista, que sofre para encontrar estabilidade na posição.

Diante da situação, o Corinthians já abriu os cofres, apostou em jovens da base, improvisou jogadores na lateral e buscou alento em empréstimos de atletas. Em nenhum dos cenários a estabilidade da 'era Arana' foi repetida. Seis jogadores já passaram pela lateral esquerda em 2018: Juninho Capixaba, Guilherme Romão, Maycon, Sidcley, Danilo Avelar e Carlos Augusto.

Sem o destaque do time nas campanhas vitoriosas do Paulista e do Brasileiro, a diretoria corintiana comandada por Roberto de Andrade fez um alto investimento para contratar o lateral Juninho Capixaba, em alta no Bahia. Para contratar o jogador, o Corinthians desembolsou R$ 6 milhões, além de ceder parte dos direitos econômicos do goleiro Douglas - a venda de Arana rendeu 5 milhões de euros (R$ 19,4 milhões na cotação da época) ao clube, que detinha apenas 50% do atleta.

Carlos Augusto - Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians  - Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians
Jovem Carlos Augusto foi titular no clássico contra o São Paulo, mas irá à seleção sub-20
Imagem: Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Ao mesmo tempo, a comissão técnica decidiu promover Romão ao time profissional depois de um empréstimo ao Oeste. O jogador, porém, foi expulso no primeiro jogo da temporada. O fraco rendimento nos treinos fez a diretoria optar novamente por emprestá-lo.

Maior aposta, Juninho Capixaba também decepcionou e perdeu a posição para Maycon. Improvisado na lateral, o volante se destacou num clássico com o Palmeiras e fez a equipe flertar com os bons tempos. Pouco depois, entretanto, o Corinthians acertou o empréstimo de Sidcley, em troca com o Atlético-PR, que recebeu o volante Camacho.

Com Sidcley, o Corinthians enfim teve estabilidade. Nas mãos de Carille, o jogador logo se adaptou ao estilo de jogo e contribuiu muito nas finais do Estadual. A passagem, porém, acabou logo: no começo de julho, depois de 27 jogos, o Atlético-PR aceitou uma proposta do Dínamo de Kiev, que levou o lateral.

Dias antes, Danilo Avelar, a quinta aposta corintiana em 2018, já havia desembarcado no Parque São Jorge. O atleta assinou por empréstimo de uma temporada e logo ganhou chances na equipe titular. Na mesma época, o Corinthians decidiu emprestar Juninho Capixaba ao Grêmio.

Avelar - Rodrigo Coca/Ag. Corinthians  - Rodrigo Coca/Ag. Corinthians
Danilo Avelar chegou ao Corinthians em junho, mas ainda não conseguiu convencer
Imagem: Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

Avelar já disputou 24 partidas pelo Corinthians, mas ainda não convenceu, embora tenha marcado um gol importante contra o Flamengo na semifinal da Copa do Brasil. Na última partida, ele perdeu a posição para o jovem Carlos Augusto, que deu conta do recado diante do São Paulo em Itaquera.

O lateral revelado na base, agora, irá defender a seleção brasileira sub-20 em dois amistosos contra a Colômbia, nos dias 15 e 20 deste mês. Dessa forma, o Corinthians voltará a ter Avelar entre os titulares em meio às dificuldades em enfim encontrar um substituto para Arana.

Futebol