PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Guardiola descarta Cavalieri e define promessa como reserva de Ederson

Divulgação/Crystal Palace
Imagem: Divulgação/Crystal Palace

Caio Carrieri

Colaboração para o UOL, em Manchester (ING)

24/08/2018 10h33

Não será desta vez que Josep Guardiola contratará o quinto brasileiro para o elenco do Manchester City, que já conta com Gabriel Jesus, Ederson, Danilo e Fernandinho. Embora o “Manchester Evening News”, jornal local, tenha colocado Diego Cavalieri como possível reforço do City, Pep descartou a possibilidade nesta sexta-feira (24).

O clube precisou pensar em um substituto para Claudio Bravo, goleiro experiente de 35 anos, reserva de Ederson, que rompeu o tendão de Aquiles do pé esquerdo na última segunda será desfalque durante toda a temporada. Com a janela de transferências fechada para a chegada de atletas na Inglaterra, o nome de Cavalieri foi veiculado na imprensa inglesa. O ex-jogador do Fluminense e do Palmeiras está sem contrato desde a saída do Crystal Palace, no meio do ano, e esta condição o deixaria em condições para negociar com clubes ingleses. Guardiola, no entanto, desconsiderou essa possibilidade.

“Não pensamos em um jogador sem contrato”, disse ele, antes de confirmar Aro Muric, jovem de 19 anos, como substituto de Bravo. A promessa da base do City estava emprestada ao NAC Breda, da Holanda, e foi chamado de volta para ser o segundo goleiro do time.

“Desde o começo Muric foi a nossa primeira opção. Conversamos com a Premier League para seguir as regras, e eles nos disseram que era possível o retorno do Muric, o que nos levou a tomar a decisão rapidamente”, acrescentou. “Conhecemos ele, treinou conosco na temporada passada. Estava emprestado porque não há real competitividade nos torneios disputados pelo nosso segundo time. A janela está fechada, não podíamos fazer outra escolha”, finalizou.

Ederson segue como titular absoluto na meta. No último domingo, o brasileiro se tornou o primeiro goleiro do City ao dar uma assistência para um gol na Premier League. Na goleada por 6 a 1 sobre o Huddersfield, ele fez um lançamento primoroso de um tiro meta para servir Sérgio Agüero na entrada da área adversária. O argentino anotou três vezes na segunda vitória da equipe em duas rodadas do Campeonato Inglês.

Futebol