PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Flu descumpre acordo com Cavalieri e pode ter contas bloqueadas na Justiça

Atualmente no Crystal Palace, Cavalieri ainda tem muito a receber do Flu - Divulgação/Crystal Palace
Atualmente no Crystal Palace, Cavalieri ainda tem muito a receber do Flu Imagem: Divulgação/Crystal Palace

Do UOL, em São Paulo

24/08/2018 18h27

O Fluminense corre riscos de ter suas contas bloqueadas pela Justiça após ter descumprido acordo com Diego Cavalieri. O clube atrasou quatro parcelas que deve ao goleiro, pagou só parte de uma outra, e agora pode ser obrigado a pagar 3,5 milhões de uma vez só.

O acordo foi feito em fevereiro, com acerto de pagamento de pouco mais de R$ 6 milhões a Cavalieri. Já na primeira parcela houve problemas, e o Flu depositou apenas parte do combinado. O clube conseguiu pagar nos meses seguintes, mas não deposita nada desde maio, assim estando cinco parcelas em atraso com o goleiro.

O UOL Esporte apurou com os advogados de Cavalieri que a juíza responsável pelo caso, Eleticia Marinho Mendes Gomes da Silva, titular da 31ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro, já exigiu duas vezes que o Fluminense apresentasse documentos que comprovem os pagamentos. O clube chegou a mostrar alguns papéis, mas nenhum que negasse os atrasos.

Alegando dificuldades financeiras, o Fluminense pede uma audiência de conciliação para tentar renegociar com Cavalieri o restante da dívida. Entre as parcelas atrasadas e as ainda por vencer, o montante gira em torno dos R$ 2,6 milhões, valor que a defesa do atleta pede em pagamento integral e com acréscimo de multa de 30% pelos atrasos — o que elevaria tudo a mais de R$ 3,5 milhões.

A partir de agora, duas opções restam: se a juíza optar pela audiência de conciliação, o Fluminense conseguiria uma pequena vitória e poderia tentar negociar novamente; mas se a Justiça determinar pela execução da dívida, o clube tem as contas bloqueadas para que haja a garantia do pagamento a Cavalieri. Em um segundo momento, caso as contas não quitem a dívida, podem ser determinados outras medidas — leilão de patrimônio, por exemplo.

Futebol