PUBLICIDADE
Topo

Futebol

O que amigo de Neymar tem a ver com reforço japonês trazido pelo Palmeiras

Gustavo Carmo ao lado de Daiju Sasaki - Reprodução/Instagram
Gustavo Carmo ao lado de Daiju Sasaki Imagem: Reprodução/Instagram

Leandro Miranda e Marcus Alves

DO UOL, em São Paulo e Lisboa (POR)

23/08/2018 04h00

A chegada do meia-atacante japonês Daiju Sasaki, do Vissel Kobe, para o time sub-20 do Palmeiras provocou estranheza inicialmente, mas passa pelos planos do clube de entrar no mercado asiático e estreitar laços com o bilionário Hiroshi Mikitani. Entre outros investimentos, o mecenas estampa a marca de uma de suas empresas na camiseta do Barcelona.

Gustavo Carmo e Neymar - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram
O que Neymar teria, então, a ver com o negócio?

Os 'parças' do craque da seleção e do PSG foram os responsáveis por intermediar o acordo que assegurou a vinda de Sasaki para a base alviverde e abriu caminho para aproximação com Mikitani, dono do Vissel.

O acordo teve a participação do empresário Gustavo Carmo, que trabalha ao lado de João Celso Moraes na empresa BBM Sports. Os dois fazem parte do núcleo duro de amigos de Neymar e estiveram presentes na Rússia durante a última Copa do Mundo. Eles são figuras carimbadas em eventos e no dia a dia do atacante em suas vindas ao Brasil.

João Celso e Neymar - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram
Em seu último aniversário, João Celso foi, inclusive, homenageado por Neymar na comemoração de um de seus gols pelo PSG.

Carmo conduziu o assunto e ciceroneou o diretor do Vissel Kobe, Kentaro Okamoto, fluente em português, em sua passagem recente por São Paulo para assinar a papelada do empréstimo de Sasaki ao Palmeiras.

O garoto de 18 anos também teve 30% de seus direitos econômicos comprados pelos paulistas.

A proposta palmeirense não foi a única recebida no mercado pelo jovem jogador, cujo potencial esteve no centro de discussão no Allianz Parque. Os contatos dos amigos de Neymar do outro lado do mundo colaboraram, no entanto, para que o projeto alviverde fosse o escolhido.

Eles têm atuação conhecida no continente asiático, especialmente, na Coreia do Sul e no Japão. Entre os seus clientes, estão o centroavante Yuri Alberto, do Santos, e outras promessas da base do alvinegro praiano.

Neymar cada vez mais presente no Palmeiras

Nos últimos meses, tem sido cada vez maior a influência do entorno de Neymar no Palmeiras, fruto da amizade com o diretor executivo Alexandre Mattos. O relacionamento foi decisivo para que o meia Lucas Lima descartasse ofertas do exterior e fechasse com o clube após sair do Santos. As conversas tiveram a participação de João Celso.

Ele também atuou no empréstimo da revelação Vitinho para o Barcelona ao lado do agente André Cury, representante dos catalães no Brasil e um de seus braços direitos.

O diálogo direto entre as partes resultou até mesmo em um 'agrado', com João Celso agindo para que o cantor canadense Justin Bieber utilizasse a camisa do Palmeiras durante um de seus shows no Brasil.

Sasaki é mais uma tratativa selada entre as partes e que, conforme asseguram no Palmeiras, deve resultar no estabelecimento de uma parceria mais estreita com o Vissel Kobe e Mikitani no futuro.

Ao todo, a revelação japonesa tem 10 jogos e dois gols em sua carreira profissional. O Brasileiro Sub-20 deve ser o seu primeiro desafio.

Futebol