Topo

Futebol


Tite saca Jesus e chama Paquetá e Pedro para amistosos da seleção

Pedro Ivo Almeida

Do UOL, no Rio de Janeiro

17/08/2018 11h18

A seleção brasileira iniciou nesta sexta-feira (17) um novo ciclo sob o comando do técnico Tite. Em sua primeira convocação após a eliminação na Copa do Mundo, o treinador apresentou experiências e jovens que serão testados nos amistosos contra Estados Unidos, em 7 de setembro, em Nova Jersey, e El Salvador, no dia 11, em Washington DC. Paquetá (Flamengo), Pedro (Fluminense) e Everton (Grêmio) foram as principais novidades da lista, que também contou com Andreas Pereira (Manchester United) - que era cortejado pela Bélgica.

Nomes que disputaram o Mundial da Rússia também estão presentes, como Neymar, Marquinhos e Thiago Silva. Alisson, Fagner, Filipe Luís, Marquinhos, Fred, Renato Augusto, Coutinho, Douglas Costa e Firmino são outros atletas que participaram da Copa e acabaram chamados para os amistosos. Já Gabriel Jesus e Marcelo, considerados titulares durante a campanha na última Copa, não foram convocados.

"É inquestionável falar do campeonato que fez o Miranda. Ou do goleador que é o Gabriel Jesus. Ou de Marcelo.  Esse é o momento para o Pedro, que vem tendo bom desempenho. Paquetá vem sendo um dos destaques do Flamengo. Para o Everton, que é um dos melhores jogadores da equipe. Hugo, porque nós conversamos como Amadeu e Guilherme, e as qualidades que ele tem estão em um projeto futuro", explicou Tite.

Buscando promover o início de uma renovação, Tite procurou mesclar jogadores mais experientes, que já vinham sendo convocados, com alguns jovens. Antes do anúncio da lista, o coordenador técnico Edu Gaspar dividiu o próximo ciclo em três fases: a primeira, de curto prazo, vai até janeiro, e será palco de mais experiências

“Dividimos o novo ciclo em três fases. A primeira fase, consideramos curto prazo, a segunda, médio prazo, a terceira longo prazo. Entendemos que o curto prazo, as convocações terão leque maior de observação para potencializar equipe para a Copa América. Curto prazo estimo até janeiro. O médio prazo consideramos do final de dezembro até a Copa América, já com menos observações. Da Copa América em diante, já consideramos longo prazo”, afirmou.

Tite realizou uma rodada de observações nos últimos 15 dias, com membros da comissão acompanhando 13 jogos, entre Brasileirão, Sul-Americana, Copa do Brasil e Libertadores. Houve a preocupação de não desfalcar as equipes brasileiras, com a convocação de no máximo um atleta por clube.

Veja a convocação da seleção brasileira:

GOLEIROS

Alisson (Liverpool)
Hugo (Flamengo)
Neto (Valencia)

DEFENSORES

Alex Sandro (Juventus)
Dedé (Cruzeiro)
Fabinho (Liverpool)
Fagner (Corinthians)
Felipe (Porto)
Filipe Luis (Atlético de Madri)
Marquinhos (PSG)
Thiago Silva (PSG)

MEIO-CAMPISTAS

Andreas Pereira (Manchester United)
Arthur (Barcelona)
Casemiro (Real Madrid)
Fred (Manchester United)
Lucas Paquetá (Flamengo)
Coutinho (Barcelona)
Renato Augusto (Beijing Guoan)

ATACANTES

Douglas Costa (Juventus)
Everton (Grêmio)
Firmino (Liverpool)
Neymar (PSG)
Pedro (Fluminense)
Willian (Chelsea)

Futebol