PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Candidato a craque no Chile, Araos pode resolver 2 problemas no Corinthians

Meia central, chileno Ángelo Araos pode atuar também como segundo volante do time - Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians
Meia central, chileno Ángelo Araos pode atuar também como segundo volante do time Imagem: Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

31/07/2018 04h00

Mais que uma simples promessa, a nova contratação do Corinthians é considerada a maior revelação chilena de 2018. Ángelo Araos, meio-campista de 21 anos, chega ao time alvinegro depois de despontar em um clube modesto do país e confirmar as expectativas na Universidad de Chile no primeiro semestre, com atuações seguras até mesmo na Libertadores. Chamado de "craque" por Arturo Vidal, um dos grandes nomes da seleção de seu país, o jovem chega ao clube com pinta de que pode oferecer uma solução rápida que poucos outros reforços alvinegros conseguiram até agora.

No Corinthians, Araos pode ajudar a resolver dois problemas da equipe treinada por Osmar Loss. O primeiro está ligado à saída de Rodriguinho. O atleta é o chamado enganche e reconhecido por isso no Chile. Ágil, ele é uma espécie de motor do time, capaz de carregar a bola em velocidade e também com capacidade de buscar um passe em profundidade.

Existe ainda a possibilidade de Araos ser aproveitado na posição de segundo volante, uma vez que Renê Júnior, lesionado, só voltará a atuar na temporada que vem. De acordo com o jornalista chileno Maximiliano Videla, ele chegou a ser aproveitado nessa função em jogos da La U e não decepcionou.

"Araos foi o melhor jogador do time na Libertadores [a equipe chilena foi eliminada na fase de grupos]. Mesmo na má fase, ele sempre jogava bem, inclusive quando atuou de volante", explicou Videla ao UOL Esporte.

Não à toa a saída repentina de Araos, que chegou à La U em janeiro, foi lamentada ao extremo no país. Torcedores criticaram a diretoria da equipe chilena pela venda, enquanto o técnico Frank Kudelka considerou a saída "inoportuna".

A expectativa em torno de Araos também ficou evidente depois do anúncio da contratação. O jovem jogador foi chamado de craque por Arturo Vidal em uma rede social. O chileno do Bayern de Munique postou a foto do compatriota com a camisa do Corinthians e lhe desejou boa sorte.

Araos disputou a sua primeira partida como profissional em outubro de 2015, aos 18 anos, pelo Antofagasta, clube que o revelou. Regular nos dois anos seguinte, o meia foi comprado pela La U e não demorou para brilhar. No jogo contra o Vasco, em São Januário, ele marcou o gol da vitória após uma jogada individual.

O chileno também teve boa atuação diante do Cruzeiro, no Mineirão, apesar da goleada por 7 a 0 sofrida pela La U. As boas atuações resultaram na primeira convocação à seleção do Chile. Ele atuou por 22 minutos no amistoso com a Polônia realizado pouco antes da Copa do Mundo, na Europa (empate por 2 a 2).

"Araos é um dos poucos jogadores da sua geração que está cumpriu com o papel dele no futebol chileno. Desde a época que estava no Antofagasta que ele está em alta. Ele se mostra com uma das principais figuras de renovação da seleção do Chile", disse Videla.

O jogador não poderá ser aproveitado pelo Corinthians na Libertadores, pois já defendeu a La U na competição. Ele está à disposição do técnico Osmar Loss nos jogos do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil.

Ángelo Araos - AP Photo/Leo Correa - AP Photo/Leo Correa
Araos em ação contra o Vasco: gol da vitória em São Januário pela Libertadores
Imagem: AP Photo/Leo Correa

Futebol