PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Após levar chapéu, Roma apaga nome e 'silencia' Malcom no Twitter

Malcom foi anunciado pelo Barcelona na última semana - Victor Salgado/FC Barcelona
Malcom foi anunciado pelo Barcelona na última semana Imagem: Victor Salgado/FC Barcelona

Do UOL, em São Paulo

31/07/2018 10h12

Em meio à polêmica por causa da contratação de Malcom, Barcelona e Roma se enfrentam nesta terça-feira (31), em torneio da pré-temporada. E depois de levar o “chapéu” do time azul-grená, os italianos decidiram apagar o nome e ‘silenciar’ o atacante brasileiro no Twitter.

Em seu perfil oficial, a equipe italiana publicou uma imagem em que as palavras “Malcom”, “anunciar Malcom”, “onde está Malcom”, “Malcom In The Middle (referente ao seriado 'Malcolm')” estão silenciadas de sua conta oficial no Twitter.

Mais tarde, quando as escalações para o amistoso foram divulgadas, a conta da Roma apagou o nome e o número de Malcom da lista de jogadores do Barcelona. "Assim é como nosso oponente Barcelona está escalado nesta noite", escreveu, com um espaço vazio onde deveria estar o nome do atacante brasileiro (veja abaixo).

A polêmica começou na última semana. A Roma firmou um acordo com o Bordeaux, da França, pela contratação de Malcom e aguardava apenas a realização de exames e a assinatura do atleta. Os italianos até chegaram a fazer um anúncio, mas o Barcelona atravessou a negociação e fechou com o atacante brasileiro.

Os espanhóis ofereceram 41 milhões de euros (R$ 179 milhões) mais 1 milhão de euros (R$ 4 milhões) de bônus e garantiram a contratação de Malcom. Ele estreou pelo Barcelona no último final de semana, contra o Tottenham.

O duelo entre Barcelona e Roma será nesta terça-feira, às 23h05 (de Brasília), pela Copa dos Campeões Internacionais.

"Malcom? Nem sei quem é", diz zagueiro da Roma

Na última segundam (30) teve maios polêmica. Zagueiro da Roma, o grego Manolas mostrou ainda não ter superado o “chapéu” do Barça.

“Se você não quer estar na Roma, é melhor ir para o Barcelona”, disse o zagueiro, antes de ser questionado por um repórter se irá cumprimentar Malcom no jogo de terça. “Eu não sabia quem ele era, nem sabia seu nome. Não tenho motivo para cumprimentá-lo”, afirmou.

Futebol