PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mina cita drama e ajuda de brasileiros no Barça: "Achei que estava acabado"

Manu Fernandez/AP
Imagem: Manu Fernandez/AP

Do UOL, em São Paulo

30/07/2018 13h13

Yerry Mina deixou o Palmeiras como um dos melhores jogadores do futebol brasileiro, mas não conseguiu repetir as mesmas atuações com a camisa do Barcelona, onde atua desde janeiro. Em entrevista para a revista Bocas, publicada nesta segunda-feira (30), o colombiano falou sobre sua tristeza por não jogar e agradeceu aos brasileiros Paulinho e Philippe Coutinho por terem o apoiado na equipe catalã. 

"Eu pensei em muitas coisas. Muitas coisas ruins. Eu pensei que estava acabado. Paulinho e Coutinho me viam tão mal que me encorajavam o tempo todo e diziam: 'Fique tranquilo que tudo vai ficar bem'. E isso, por mais que motive você, ao mesmo tempo desmotiva você, porque você sempre quer jogar e quer estar lá. Eu entendo que existem jogadores espetaculares, mas bem, eu também estava ali e queria um minuto. Mas isso não aconteceu. E nos poucos minutos que eu tive, fui mal ... Eu senti algumas vezes que tudo estava caindo, eu senti que nada saia bem, nem dar passes nos treinamentos", explicou.

Mesmo assim, o zagueiro deixou claro que apesar dos dramas, não se arrepende de ter aceitado a proposta dos espanhóis. "Esse foi o meu sonho: ir para Barcelona. Eu poderia ir para outras equipes, talvez. O Borussia me queria, outras equipes na Alemanha, na Itália, na Inglaterra, mas, na verdade, eu queria ir para Barcelona. E não me arrependo de ter ido lá porque aprendi muito e melhorei como pessoa e como jogador."

Perguntado sobre a possibilidade de deixar a equipe, Mina disse ainda não saber sobre o seu futuro. "Eu não tenho ideia, mas estou tranquilo. Tenho 23 anos e ainda há muito o que jogar."

O zagueiro falou que possui ótimo relacionamento com as estrelas da equipe catalã, como Lionel Messi e Luis Suárez. "Eles são ótimas pessoas. E uns magos. Quando cheguei, comecei a apostar com eles quem acertava mais chutes nos treinamentos. Eu deveria vê-los. Quando eu percebi, todos os dias eles estavam me tirando 50 euros. E eu: ‘Estou pagando o mercado para esses manés’. Mas a verdade é que esses monstros colocam a bola onde eles querem."

Sem espaço no Barcelona, Mina chamou a atenção de clubes ingleses após fazer três gols na Copa do Mundo pela seleção colombiana. De acordo com o jornal Sport, a prioridade do atleta é o Manchester United, que o vê como plano B caso a contratação de Harry Maguire não se concretize. Se o zagueiro da seleção inglesa for aos Red Devils, o Leicester considera contratar Mina para repor a eventual a saída de Maguire. Nas últimas semanas, o Everton fez uma proposta ao Barcelona pelo jogador.

Futebol