PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Após 1º gol, Felipe Anderson fala em "usar inteligência" no West Ham

Reuters/Adam Holt
Imagem: Reuters/Adam Holt

Do UOL, em São Paulo

29/07/2018 15h08

Felipe Anderson marcou o primeiro gol dele pelo West Ham no último sábado (28), na vitória por 2 a 1 em amistoso contra o Ipswich Town. Maior contratação da história do clube, ele falou sobre o que espera no futebol inglês.

“As pessoas dizem que eu tenho a capacidade de ser protagonista em qualquer time que jogue, e eu acredito nisso. Meu jogo é driblar, mas também quero concentrar nos aspectos do time no jogo. Quero fazer o que for necessário para o time, mas também me destacar”, disse.

“Entendo que aqui é muito diferente da Itália, os jogadores usam muito a força aqui, mas eu tenho assistido aos jogos. Vou trabalhar duro para superar isso. Sou rápido e usarei minha inteligência. Também vou ouvir o que meu treinador falar”, declarou o meia.

Felipe Anderson já havia estreado pelo novo clube na última quarta-feira (25), quando o West Ham bateu o Aston Villa por 3 a 1, mas não tinha, ainda, balançado as redes. Contratado por cerca de 42 milhões de euros (R$ 180 milhões), o jogador brasileiro não está preocupado com a pressão.

“Obviamente, é uma grande responsabilidade, e o clube colocou muita fé em mim, mas isso é parte do jogo. Eu estive no Santos com muitos bons jogadores e disputei partidas importantes desde jovem. A experiência mostra que posso deixar a pressão para trás”, falou.

O meia chegou ao West Ham depois de passar os últimos cinco anos na Lazio, mas perdeu espaço na última temporada depois de ficar cinco meses parado por conta de uma lesão na coxa esquerda.

“Eu estava machucado, e o time foi bem sem mim. Quando me recuperei, o técnico optou por manter quem ele confiou na minha ausência, e eu entendi isso. Mas, quando eu tive a chance de vir aqui, fiquei muito feliz com a oportunidade”, afirmou.

Futebol