PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Jogador do Bahia presta queixa contra torcedores após ter carro depredado

Divulgação/E.C. Bahia
Imagem: Divulgação/E.C. Bahia

Marcello De Vico

Do UOL, em Santos (SP)

21/07/2018 18h21

Um dos envolvidos na confusão entre jogadores e torcida do Bahia na noite da última sexta-feira (20), no desembarque do time em Salvador, o zagueiro Everson prestou - neste sábado (21) - queixa contra os torcedores que depredaram o seu carro na saída do aeroporto. A informação foi divulgada pelo jornal Correio e confirmada pelo UOL Esporte.

Ao tentar deixar o aeroporto, integrantes de uma torcida organizada do Bahia cercaram o carro do jogador – que estava acompanhado da mulher e do filho. Eles inclusive chegaram a tentar abrir o veículo e acabaram quebrando a maçaneta – conforme divulgado em foto pelo clube.

Agora, na segunda-feira (23), Everson irá, acompanhado de algum responsável do departamento jurídico do Bahia, a um local para realizar a perícia em seu veículo.

A confusão entre Everson e os aficionados teve início antes, quando o elenco deixava o saguão de desembarque do aeroporto. Em vídeo que circulou nas redes sociais (veja abaixo), é possível ver o zagueiro se esquivando de uma tentativa de agressão de um torcedor e respondendo com um soco.

Revelado nas categorias de base do Bahia, Everson tem apenas 20 anos e já disputou oito partidas nesta temporada de 2018, sendo quatro pelo Campeonato Brasileiro.

Na zona de rebaixamento com 13 pontos em 13 jogos, o Bahia volta a campo neste domingo (22) para enfrentar o arquirrival Vitória, na Fonte Nova, às 16h (de Brasília).

Neste sábado, o clube tricolor divulgou em seu site oficial uma carta direcionada ao ‘verdadeiro torcedor do Bahia’ e fala em 'jogar por Everson'.

Confira na íntegra:

Essa vai para o verdadeiro torcedor do Bahia.

Você, que ama nosso clube de maneira incondicional.

A gente (funcionários, dirigentes, atletas) vai passar. O Esquadrão de Aço ficará.

Nas últimas horas, torcedores dos mais diversos cantos do país enviaram mensagens de apoio ao clube, aos jogadores, e contrários aos incidentes registrados na noite desta sexta-feira (20).

Vamos virar esse jogo a partir daí.

Não basta ter amor só no nome. A paixão é provada nos gestos, nos atos.

Para homenagear a verdadeira torcida tricolor – aquela que, vale dizer, também sabe protestar e cobrar -, o setor superior da Fonte Nova custará R$ 10 no Ba-Vi deste domingo (22), às 16h, pelo Brasileirão.

A venda promocional acontecerá na bilheteria do estádio, neste sábado (21), a partir das 14h.

Vamos jogar por vocês. Vamos jogar por Everson.

Ontem, após uma manifestação promovida por integrantes de torcida organizada no aeroporto de Salvador, que terminou em agressão contra dois atletas da nossa divisão de base, o zagueiro foi seguido quando se dirigia para casa, já em companhia da esposa e do filho, e enfrentou novos atos de violência.

A família teve o carro cercado e chutado, a maçaneta do veículo acabou sendo arrancada e o vidro da janela traseira estilhaçou em cima da criança.

Everson prestará queixa na segunda-feira (23), acompanhado do departamento jurídico do Esquadrão.

O clube também solicitou medidas enérgicas à Secretaria de Segurança Pública e adotará todas as providências necessárias para que os crimes cometidos sejam severamente punidos.

Mas agora o objetivo é o Ba-Vi. Foco total no Ba-Vi.

Seguimos concentrados na partida, importantíssima demais, demais. E cientes de que atitudes isoladas não representam a grande Nação Tricolor, famosa mesmo é por fazer a diferença nas arquibancadas.

Não será diferente amanhã.  #BBMP

Futebol