PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Com zagueiros na mira da Europa, Santos rejeita negociar Luiz Felipe

Luiz Felipe será titular contra o Nacional, no Uruguai, nesta terça-feira, pela Libertadores - Divulgação/SantosFC
Luiz Felipe será titular contra o Nacional, no Uruguai, nesta terça-feira, pela Libertadores Imagem: Divulgação/SantosFC

Marcello De Vico e Samir Carvalho

Do UOL, em Santos (SP)

30/04/2018 04h00

O Santos sofre “assédio interno” em relação ao zagueiro Luiz Felipe. O clube paulista tem recebido sondagens e até propostas oficiais pelo jogador. No entanto, a diretoria santista tem sido irredutível em não liberar o atleta. O motivo é a possível transferência de dois defensores do clube para o futebol europeu ainda nesta temporada: Lucas Veríssimo e Gustavo Henrique.

A cúpula alvinegra já recebeu promessas de empresários e até dirigentes de clubes do exterior que pretendem contratar os zagueiros na abertura da próxima janela de transferência da Europa no meio deste ano. Vale lembrar que Lucas Veríssimo ficou muito próximo de ser negociado para o Spartak Moscou por 7,5 milhões (R$ 32 milhões aproximadamente), mas uma briga de agentes por comissão vetou o negócio.

O clube russo é um dos clubes que pode levar Lucas Veríssimo no meio do ano. Por conta disso, a diretoria santista pretende segurar Luiz Felipe, considerado internamente um dos zagueiros mais técnicos do elenco.

Segundo apurou o UOL Esporte, o Bahia fez uma proposta para contar com o defensor, por empréstimo, até o fim do ano. Os dirigentes ainda aguardam uma resposta definitiva do clube da Vila Belmiro, sendo que os tricolores seriam os responsáveis pelos vencimentos do zagueiro caso a negociação seja concretizada.

Ainda envolvido em quatro competições (Campeonato Brasileiro, Copa do Nordeste, Copa do Brasil e Copa Sul-Americana), o clube tricolor conta com Tiago, Lucas Fonseca, Douglas Grolli, Rodrigo Becão e Everson para a posição, sendo os três primeiros os mais utilizados pelo técnico Guto Ferreira.

Luiz Felipe era o zagueiro titular do Santos entre as temporadas 2016 e 2017, mas uma cirurgia ligamentar no joelho o tirou dos gramados por mais de seis meses. Neste período, Lucas Veríssimo se “levantou” com a camisa santista e virou titular absoluto ao lado de David Braz na zaga.

Hoje Luiz Felipe briga com Gustavo Henrique para ser a terceira opção da zaga santista, o reserva imediato da dupla titular. Ele saiu em vantagem sob o comando de Jair Ventura, pois foi o escolhido para ser titular contra o Nacional, no Uruguai, nesta terça-feira, em jogo válido pelo quinta rodada do Grupo 6 da Copa Libertadores da América.

Luiz Felipe venceu a concorrência de Gustavo Henrique e será o substituto de Lucas Veríssimo, que recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Estudiantes e cumpre suspensão automática.

Vale ressaltar que o Santos já emprestou dois zagueiros no início desta temporada: Cleber para o Paraná e Noguera para o Estudiantes, da Argentina. Os dois devem retornar em dezembro, caso não haja interesse de paranaenses e argentinos em mantê-los.

Futebol