PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Ausência de Edenílson cria dúvida e pode mudar movimentação do Inter

Edenílson está fora de atividade por força de uma lesão no joelho esquerdo - Ricardo Duarte/Inter
Edenílson está fora de atividade por força de uma lesão no joelho esquerdo Imagem: Ricardo Duarte/Inter

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto ALegre

30/04/2018 16h00

Edenílson não jogará por um mês. Com uma lesão no joelho esquerdo, o volante teve diagnóstico confirmado na tarde de segunda-feira. E agora? Odair Hellmann perde um jogador quase insubstituível e tem alternativas que mudam a movimentação do Inter.

A primeira opção, e mais lógica, é Gabriel Dias. Em todas as oportunidades que Edenílson não esteve disponível, foi o ex-Palmeiras e Paraná que ocupou o espaço. Contudo, os repetidos erros de passe e a pouca participação ofensiva deixam dúvida sobre a titularidade contínua para ele.

Gabriel, inclusive, foi deslocado para lateral direita na partida diante do Palmeiras, quando Fabiano não pôde atuar. Por ali fez bom jogo.

Uma segunda alternativa é o recuo de Patrick para sua posição de origem. Com isso, Lucca, Nico López e até Rossi, que volta de lesão, concorreriam por uma vaga no lado esquerdo de ataque. Wellington Silva não tem aproveitado as chances que recebe e perdeu força na disputa por vaga.

Desta forma, porém, o Inter perde em marcação e fragiliza o 4-2-3-1, além de tirar a possibilidade de alteração para o 4-1-4-1 que tem se repetido durante os jogos com o simples recuo de Patrick e Dourado centralizado.

Charles e até Juan Alano também treinam nas posições centrais e defensivas do Inter, mas têm menos chances de jogar. Zeca, improvisado, poderia ser também alternativa mas ele ainda precisa ganhar ritmo de jogo para atuar.

Os treinamentos da semana mostrarão o que pensa Odair Hellmann sobre o assunto. O Colorado se reapresenta nesta terça-feira e encara o Flamengo no próximo domingo.

Futebol