PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Fifa multa times de Portugal e Espanha por poder a terceiros em transações

Benfica e Sporting foram punidos por firmar contratos que davam poderes a terceiros - PATRICIA DE MELO MOREIRA/AFP
Benfica e Sporting foram punidos por firmar contratos que davam poderes a terceiros Imagem: PATRICIA DE MELO MOREIRA/AFP

Do UOL, em São Paulo

19/04/2018 13h23

A Fifa aplicou multas a times de Portugal, Espanha e Catar por influência de terceiros em transferências de atletas. Em comunicado oficial, a entidade afirma ser rigorosa contra a ingerência de empresas nas aquisições feitas para clubes.

Desta forma, a Fifa entendeu que o Sporting e Benfica, de Portugal, e o Celta e Rayo Vallecano, da Espanha, sofreram influências de terceiros em transferências de atletas. Não foram informadas quais transações foram irregulares. 

O Al Arabi, do Catar, também foi punido pelo mesmo motivo.

A Fifa detalha o que considera a intromissão de terceiros. A entidade diz concordar com o apoio de empresas na contratação, mas enfatiza que não permitirá terceiros de ter poder nas decisões dos clubes. Os clubes têm que ser “transparentes e isentos”, prega a Fifa.

Segundo a entidade que regula o futebol, os times punidos celebraram acordos que dariam autonomia a terceiros em negociações.

Somadas as multas aos times citados, a Fifa receberá R$ 2,4 milhões.

A maior punição foi dada para o Al Arabi: R$ 657,7 mil, por ter acertado “vários contratos” que possibilitavam a entrada de terceiros nas decisões do clube. O Benfica pagará R$ 526 mil de multa. O Sporting pagará R$ 385 mil.

Futebol