PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Diretor diz que chineses mudaram de ideia em ceder Teixeira ao Corinthians

Acerto de Alex Teixeira foi cancelado por decisão de clube chinês - Masashi Hara/Getty Images
Acerto de Alex Teixeira foi cancelado por decisão de clube chinês Imagem: Masashi Hara/Getty Images

Dassler Marques

Do UOL, em São Paulo

26/02/2018 17h44

Diretor esportivo do grupo Suning, responsável pelo controle do Jiangsu Suning-CHN e da Inter de Milão, o italiano Walter Sabatini afirmou que uma mudança de rota nas negociações afastou o Corinthians da possibilidade de contratar Alex Teixeira. A declaração foi concedida em caráter de exclusividade ao UOL Esporte.

"As chances no momento são zero. O Corinthians lutou bastante. Mas os chineses mudaram de ideia no momento final. Isso acontece com frequência", declarou Walter Sabatini, responsável por levar os ex-corintianos Marquinhos, Dodô e Leandro Castán para a Roma, seu último clube.

Na última sexta-feira, o presidente Andrés Sanchez tratou Alex Teixeira como reforço definido para a Copa Libertadores depois de receber confirmação de que a proposta do Corinthians estava aceita, conforme noticiado pelo UOL.

Em nota oficial, o Corinthians ainda explicou que chegou a desenhar e modificar o contrato de empréstimo de Alex Teixeira por duas vezes. O presidente Andrés Sanchez recebeu pedidos por novas exigências da equipe chinesa, mas disse 'sim' a ambas para contar com o jogador de 28 anos e que seria reforço de impacto para a Copa Libertadores. Valores de empréstimo e uma cláusula de liberação foram acertados.

O Corinthians não foi o único clube a buscar a contratação de Alex Teixeira nos últimos dias. Por intermédio do franco-argelino Franck Henouda, o Shakhtar-UCR apresentou uma oferta de empréstimo levada por emissários brasileiros ao Jiangsu Suning. O ex-clube de Teixeira esperava levar o atacante de volta à Ucrânia por um ano, e apresentou valores superiores aos corintianos, mas também teve uma negativa dos dirigentes chineses como resposta.

A vontade de Alex Teixeira em defender o Corinthians na Copa Libertadores era o trunfo dos dirigentes do clube para alcançar um acordo com Júnior Mendonza, agente do jogador e parceiro do iraniano Kia Joorabchian em diversos negócios, como a própria venda de Teixeira ao Suning, há dois anos, por mais de R$ 200 milhões.

Com o encerramento da janela de transferências em dois dias para o futebol da China, só uma grande reviravolta permitirá que Alex Teixeira seja jogador do Corinthians.

Futebol