PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Guardiola tem avião revistado em busca por separatista catalão

CARL RECINE/Action Images via Reuters
Imagem: CARL RECINE/Action Images via Reuters

Do UOL, em São Paulo

23/02/2018 11h58

A aeronave particular de Pep Guardiola foi inspecionada pela Guarda Civil da Espanha. Segundo a “Rádio Catalunha”, o motivo da abordagem, feita no aeroporto de Barcelona, era conferir se dentro do jato se encontrava Carles Puigdemont, que tem ordem de prisão no território espanhol.

O treinador do Manchester City não estava no avião no momento da abordagem policial.

“A minha mulher me contou. Ocorreu aquilo que foi publicado. Foi a polícia ou a Guarda Civil, imagino, não sei como estão as leis aeroportuárias. Mas creio que tem direito de mandar parar e inspecionar. Eles passaram, viram que estava a família, e se foram. Nada mais”, disse Guardiola, em entrevista coletiva.

De acordo com a “Rádio Catalunha”, as autoridades intensificaram cerco contra o ex-mandatário da Catalunha e conferiram cinco aviões particulares no aeroporto de Barcelona. Um deles era da família de Guardiola.

Conforme apresentou a rádio, a família de Guardiola não é investigada. A inspeção foi ordenada pela polícia de forma aleatória. Não há qualquer ligação de familiares do treinador com Puigdemont.

Futebol