PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Justiça espanhola arquiva denúncia contra jogadores que "roubaram" um táxi

Do UOL, em São Paulo (SP)

19/02/2018 13h44

A Justiça espanhola optou por arquivar a denúncia contra os quatro jogadores do West Bromwich que assumiram o "roubo" de um táxi em Barcelona, na semana passada. A informação foi confirmada pela emissora de televisão britânica Sky Sports.

A corte do país ibérico encerrou o caso contra Jonny Evans, Gareth Barry, Jake Livermore e Boaz Myhill, que pediram desculpas pelo péssimo comportamento na última sexta-feira. O quarteto pegou um táxi sem autorização do dono para retornar ao hotel da equipe, que trabalhou durante uma semana na Espanha.

Em comunicado divulgado pelo próprio clube, o quarteto estendeu o pedido de perdão aos torcedores, colegas de time e comissão técnica. Evans, Barry, Livermore e Myhill se identificaram após o caso se tornar público na Inglaterra.

“Achamos importante nos identificar como os jogadores envolvidos no incidente ocorrido durante a semana de treinamentos na Espanha, porque nossos companheiros poderiam ser prejudicados por associação”, escreveram os atletas.

O caso ocorreu quando os jogadores saíram do hotel para jantar. No retorno de um restaurante fast food, os atletas do West Brom viram um táxi aberto e sem motorista, entraram no veículo e guiaram de volta até o local em que estavam hospedados.

O quarteto acabou interrogado pela polícia de Barcelona na última quinta-feira. O caso, no entanto, foi arquivado neste início de semana.

Futebol