PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Neymar marca pela 1ª vez após virar "cobrador oficial", mas impasse segue

Do UOL, no Rio de Janeiro

26/11/2017 19h19

A polêmica ainda está no ar. Mas a julgar pelo jogo deste domingo (26), Neymar será o cobrador de pênalti do Paris Saint-Germain. E marcou um gol pela primeira vez nesta possível condição - após todo o impasse. Depois de semanas de polêmicas com o uruguaio Cavani, o craque brasileiro cobrou a penalidade em duelo contra o Monaco pelo Campeonato Francês, e fez o segundo gol da vitória por 2 a 1 sobre o atual campeão.

Na última semana, Cavani já tinha avisado da decisão do treinador do PSG, Unai Emery. "Neymar cobrará o próximo pênalti", disse o uruguaio. Somente neste domingo, no entanto, a questão foi oficializada.

A resposta sobre o cobrador oficial, no entanto, ainda é um mistério, visto que Cavani falou apenas do "próximo pênalti".

Após o jogo, os brasileiros Marquinhos e Thiago Silva foram perguntados sobre o caso.

"Não sei se é cobrador oficial, tem que perguntar ao Unai [Emery, técnico], disse Marquinhos. "Não sabemos ainda", completou Thiago, mostrando que o impasse segue. "Hoje o Neymar bateu, pode deixar o próximo para o Cavani, pois é um garoto de grande coração. O mais importante é o PSG ganhar".

A dúvida só poderá ser respondida nos próximos jogos, quando - e se - houver um novo pênalti para a equipe. Cavani e Neymar não falaram com a imprensa na zona mista.

Com a vitória, o PSG disparou na ponta da tabela e mostrou que dificilmente não será o grande favorito ao título da temporada 2017-2018. São 38 pontos em 14 jogos, nove pontos a mais que o agora vice-líder Lyon.

A vitória deste domingo foi a 17ª do PSG em 19 jogos na temporada – foram ainda dois empates na campanha invicta. Neymar tem 14 gols em 15 jogos disputados na temporada, enquanto Cavani soma 22 tentos em 19 partidas.

Futebol