PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Novo Ronaldo? Guardiola explica como Gabriel Jesus pode virar Fenômeno

Guardiola cumprimenta Gabriel Jesus após vitória do City sobre o Chelsea - Eddie Keogh/Reuters
Guardiola cumprimenta Gabriel Jesus após vitória do City sobre o Chelsea Imagem: Eddie Keogh/Reuters

Caio Carrieri

Colaboração para o UOL, em Manchester (ING)

17/11/2017 12h32

Até Pep Guardiola enxerga potencial para Gabriel Jesus se aproximar de Ronaldo. Quase sempre comedido nas palavras, o técnico do Manchester City não corroborou a análise de Daniel Alves, de que o atacante já é o novo Fenômeno, mas deu a receita do que o jogador da seleção brasileira tem de fazer para apresentar traços do herói do Penta.

“Ainda não (é o novo Ronaldo)”, sentenciou nesta sexta-feira, em entrevista no City Football Academy (CFA). "Ele tem tudo para se tornar um dos melhores atacantes do mundo, mas ainda há vários fatores que ele precisa melhorar e estamos aqui para ajudá-lo”.

Gabriel Jesus se reapresentou na última quinta-feira (16) ao City depois de atuar pelo Brasil nos últimos amistosos de 2017, diante Japão, contra quem marcou um gol na vitória por 3 a 1, em Lille-FRA, e no empate sem gols com a Inglaterra em Wembley, na terça. Mesmo há menos de um ano no clube, o centroavante já negocia novo contrato e aumento salarial.

“É um dos atacantes mais lutadores que conheci na minha carreira”, prosseguiu Pep sobre Gabriel. “Ele me lembra um pouco Samuel Eto’o do tempo que trabalhamos no Barcelona e quem ajudou o time como ninguém”, disse sobre o camaronês. “Só quero ajudar o Gabriel a correr menos com a bola, ainda penso que ele corre muito quando tem a bola nos pés. No dia que tiver mais calma para observar os movimentos que tem de fazer com a bola, vai se tornar um jogador parecido com Ronaldo”.

Líder isolado do Campeonato Inglês com oito pontos de vantagem (31 a 23) para o Manchester United, o City enfrenta o Leicester City fora de casa neste sábado. Os Foxes estão na 12a colocação, com 13 pontos.

Futebol