PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Pressa do Inter por novo técnico pode dificultar negociação com Abel Braga

Abel Braga não costuma romper seus contratos e só seria anunciado após fim do BR - Thiago Ribeiro/AGIF
Abel Braga não costuma romper seus contratos e só seria anunciado após fim do BR Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF

Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

16/11/2017 04h00

O Inter quer anunciar seu novo técnico 'o quanto antes'. E essa pressa pode atrapalhar na conversa com o nome predileto para o cargo. Como Abel Braga ainda tem contrato com o Fluminense, não deve negociar nada para 2018 enquanto a ligação com os cariocas existir.

Abel tem por definição não romper contrato com qualquer clube. Além disso, possui forte ligação com o Fluminense e, mesmo com o time longe das primeiras posições, goza de respeito e admiração da direção do clube. Não pretende arranhar tal imagem.

O vínculo do treinador tem mais um ano de duração e o rompimento apresenta-se com duas alternativas. A primeira é o treinador solicitar saída do clube e negociar a multa rescisória. A segunda é o Inter arcar com o pagamento pela rescisão integralmente, como fez com Guto Ferreira. O valor, desta vez, supera R$ 1 milhão.

E o Colorado quer resolver isso para ontem. Segundo o vice de futebol Roberto Melo, a meta é ter o novo treinador contratado o quanto antes para 'não perder tempo'.

"Não temos prazo. Vamos tentar fazer isso acontecer o quanto antes para não perdermos tempo. Os melhores treinadores, geralmente, têm uma procura muito grande e o mercado cada vez mais restrito. Então vamos tentar o quanto antes achar o nosso treinador para o ano que vem", afirmou.

Além das características elencadas nos últimos dias, a direção vermelha tratou de esclarecer que não descarta técnicos empregados ou mesmo qualquer nome que não esteja no mercado. A única situação tabulada é que a ideia é não contratar técnico estrangeiro no momento.

"Pode ser empregado, pode ser que esteja empregado até o fim do campeonato, pode ser que não esteja trabalhando. Temos alguns nome se vamos a partir de hoje (quarta-feira) trabalhar mais em cima deles", completou.

Roger Machado é o segundo na lista de alvos. O técnico teve passagens recentes por Grêmio e Atlético-MG e está aguardando contato para firmar com Inter. A reportagem do UOL Esporte apurou que Roger gostaria de comandar o time vermelho e um acerto poderia acontecer rapidamente.
 

Futebol