PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Neymar disputa com Cristiano Ronaldo e Messi prêmio de melhor do mundo

Neymar, Messi e Cristiano Ronaldo concorreram ao prêmio da Fifa em 2015 - AFP PHOTO / OLIVIER MORIN
Neymar, Messi e Cristiano Ronaldo concorreram ao prêmio da Fifa em 2015 Imagem: AFP PHOTO / OLIVIER MORIN

Do UOL, em São Paulo

22/09/2017 10h24

A Fifa informou nesta sexta-feira os três finalistas ao prêmio de melhor jogador do mundo. Cristiano Ronaldo, Lionel Messi e Neymar foram os selecionados ao "The Best". O anúncio do melhor atleta do planeta acontece no dia 23 de outubro, em cerimônia em Londres.

Ilustração postada por Neymar nas redes sociais - Reprodução - Reprodução
Ilustração postada por Neymar nas redes sociais
Imagem: Reprodução
 
Neymar retorna ao prêmio Fifa após ficar ausente no ano passado. Em 2015, o atacante brasileiro disputou também com Messi e CR7, perdendo a disputa para o craque argentino.
 
Em 2016, Cristiano Ronaldo e Messi tiveram como concorrente o francês Antoine Griezmann. 
 
A conquista do inédito prêmio de melhor do mundo seduz Neymar. Além do alto investimento feito pelo PSG para tirá-lo do Barcelona (222 milhões de euros), Neymar via no clube parisiense a chance de ser a principal estrela, o que não acontecia no Barça. 
 
Messi coleciona cinco troféus de melhor do mundo. Cristiano tem quatro. Os dois, aliás, se alternam no topo da premiação desde 2008.
 
 
A definição do vencedor será feita da seguinte forma: 50% dos votos serão através de votação do público e 200 jornalistas. A outra metade conforme votação de técnicos e jogadores.
 
Antes de divulgar os três finalistas, a Fifa havia relacionado 24 atletas. Na pré-relação constava dois brasileiros: Neymar e Marcelo. 

Tite fica fora de premiação dos técnicos

Lista dos selecionados ao gol mais bonito do ano  - Reprodução - Reprodução
'Prêmio Puskás' - Lista dos selecionados ao gol mais bonito do ano. Nenhum brasileiro na relação
Imagem: Reprodução
 
Neste ano, a Fifa também dará medalha ao melhor goleiro. Neuer, Buffon e Navas disputarão a taça.
 
Pouco antes de apresentar os três finalistas à melhor jogador, a Fifa comunicou os três finalistas ao prêmio de melhor técnico do ano. Zinedine Zidane, Antonio Conte e Massimiliano Allegri disputarão o troféu. 
 
Na primeira lista, com vários técnicos, o técnico da seleção brasileira Tite estava na relação.
 
Além de melhor jogador, a Fifa selecionou os indicados ao prêmio de melhor atleta do mundo, melhor técnico de futebol feminino e o gol mais bonito. 
 

Prêmio Puskás sem brasileiro

Lançado em 2009, o prêmio dado ao gol mais bonito pela primeira vez não tem brasileiro relacionado. No ano passado, o atacante Marlone, então defendendo o Corinthians, concorreu à premiação, mas ficou em segundo lugar.
 
Wendell Lira, em 2015, e Neymar, em 2011, ganharam as edições de seus respectivos anos.

Futebol