PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Chuva de pipoca e "diretoria de 2ª": Vitória volta a Salvador sob protesto

Chamado de "pipoqueiro", Kieza foi um dos alvos dos torcedores do Vitória - Marcello Zambrana/AGIF
Chamado de "pipoqueiro", Kieza foi um dos alvos dos torcedores do Vitória Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Do UOL, em Recife

26/06/2017 18h39

Após derrota por 4 a 1 contra o Atlético-PR, a delegação do Vitória desembarcou em Salvador sob protesto nesta segunda-feira (26). Um grupo de torcedores organizados foi ao aeroporto Luis Eduardo Magalhães e atacou diretamente a diretoria clube.

"Não é mole não, diretoria de segunda divisão", gritavam os torcedores rubro-negros. Quem também foi alvo do protesto foi o atacante Kieza, alvo de uma "chuva de pipoca" na saída do aeroporto. 

"Kieza, seu pipoqueiro, estou sabendo que você só quer dinheiro", cantaram alguns torcedores do Vitória enquanto os jogadores entravam no ônibus. Um número menor de torcedores ainda pediu a saída do técnico Alexandre Gallo, recém-chegado no Barradão. 

O Vitória tentou se esquivar do protesto ao desembarcar pela ala internacional do aeroporto, reforçada com policiamento. Mas os torcedores logo se deram conta da mudança e intensificaram os protestos até a saída do ônibus do clube. 

Futebol