PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Título da Liga Europa passou de descartável a obsessão no Manchester United

Oli Scarff/AFP
Imagem: Oli Scarff/AFP

João Henrique Marques

Do UOL, em Barcelona

24/05/2017 04h00

A Liga Europa outrora incômoda, em meio aos campeonatos prioritários e com a escalação de reservas como solução, virou a obsessão do Manchester United na temporada. Nesta quarta-feira, 15h45min (de Brasília), o time tem, enfim, a grande oportunidade da conquista na decisão contra o Ajax.

O título da Liga Europa é o único que falta na galeria do Manchester United de conquistas internacionais. O clube tem três Liga dos Campeões, uma Recopa, uma Supercopa da Europa e dois Mundiais de Clube. Mas a bem da verdade é que o time inglês jamais se empenhou em conquistá-la.

Os objetivos de enriquecer a galeria de troféus e conquistar a vaga para a próxima edição da Liga dos Campeões fizeram o título da Liga Europa ter outro peso na cabeça do treinador português, José Mourinho.

“Simplesmente preservei quem achava melhor pensando no futuro”, esbravejou o treinador ao ser cobrado sobre a escalação de time misto na derrota por 2 a 0 para o Arsenal, pelo Campeonato Inglês, dia 7 de maio.

O resultado deixou o time sem chance de conquistar a vaga para a Liga dos Campeões via torneio nacional. Mas a mudança da UEFA em 2015 dando a opção de uma vaga para o ganhador da Liga Europa mudou o status do torneio.

Historicamente, os times ingleses sempre trataram o torneio com desprezo, dando preferência até mesmo às duas Copas que disputam a nível nacional.

O Manchester United, em nove participações, tinha na edição de 84/85 o melhor resultado sendo eliminado nas quartas de final para o desconhecido Videoton, da Hungria.

A atual edição demorou para ser levada a sério pelo Manchester United. Na fase de grupos, Mourinho chegou a levar a campo time misto ao superar o Fenerbahçe (da Turquia), Feyenord (Holanda) e Zorya Luhansk (Ucrânia).

Foi a partir do mata-mata que o Manchester United mudou o foco, motivado pelo avanço do Chelsea no Campeoanto Inglês, e a maneira mais curta de conseguir a vaga para a Liga dos Campeões. Assim, ficaram pelo caminho o Saint Étienne (França), Rostov (Rússia), Anderletch (Bélgica) e Celta de Vigo (Espanha).

A final da Liga Europa é em jogo único. Ansiosos, mais de 20 mil torcedores do Manchester United estão em Estocolmo. O último titulo internacional restante da rica galeria do clube agora virou tão cobiçado quanto os outros.

Futebol