PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Borja sorri ao falar do Palmeiras: 'As diretorias que estão cuidando disso'

Borja evitou entrar em detalhes, mas segue manifestando o desejo de atuar no Brasil - Fernando Vergara/AP
Borja evitou entrar em detalhes, mas segue manifestando o desejo de atuar no Brasil Imagem: Fernando Vergara/AP

Do UOL, em São Paulo (SP)

22/01/2017 17h09

O interesse de Miguel Borja em vestir a camisa do Palmeiras nesta temporada pautou o desembarque da Colômbia neste domingo, no Rio de Janeiro, para a o amistoso contra a seleção brasileira, na quarta-feira. O jogador evitou entrar em detalhes, mas afirmou que a negociação continua.

"Até o momento não sei [sobre a negociação]. As diretorias que estão cuidando disso", disse ao site da Globo após desembarcar na capital carioca.

Borja, que admitiu a interação com torcedores palmeirenses pelas redes sociais, espera contar com este apoio na quarta-feira. "Esperamos que sim [risos]", comentou.

Apesar das palavras de Borja, o Palmeiras internamente trata a negociação como improvável neste momento, graças aos valores pedidos pelo Atlético Nacional. O atual campeão da Copa Libertadores pede pelo menos R$ 60 milhões pelo destacado atacante.

As negociações se encontram paralisadas. Mauricio Galiotte retornou a São Paulo depois de presenciar o amistoso entre Chapecoense x Palmeiras, ocorrido no último sábado, na Arena Condá.

O diretor Alexandre Mattos, por outro lado, ainda se encontra na Inglaterra. O dirigente viajou a Manchester para resolver as últimas questões burocráticas da transferência e prestigiar a estreia de Gabriel Jesus pelo City.

Futebol