PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Rafinha sai em defesa de Neymar e vê campanha contra o jogador na Espanha

Neymar e Rafinha durante jogo do Barcelona: defesa ao amigo  - Pau Barrena/XInhua
Neymar e Rafinha durante jogo do Barcelona: defesa ao amigo Imagem: Pau Barrena/XInhua

Do UOL, em São Paulo

28/10/2016 07h20

Companheiro de Neymar no Barcelona, o meio-campista Rafinha saiu em defesa do compatriota após o polêmico jogo entre o time catalão e o Valencia, no último sábado. Na ocasião, o atacante brasileiro foi atingido por uma garrafa arremessada por um torcedor rival, mas recebeu críticas por supostamente ter feitos gestos provocativos ao comemorar o terceiro gol de sua equipe.

“Eu acho que sim, (ele) é vítima de uma campanha (midiática). Há gente que busca este tipo de coisas, criar algo que realmente não é. Mas é futebol, Neymar tem uma qualidade fora do comum e quando mostra no campo, para mim não é uma provocação, é arte. Que bom seria se todos fizessem isso, mas cada um tem sua forma de jogar”, disse em entrevista ao jornal "Mundo Deportivo".

Rafinha ainda reclamou do que chamou de distorção no episódio. Representantes da Liga Espanhola criticaram a postura dos jogadores do clube na comemoração do gol e ironizaram o que consideraram um exagero na reação à “garrafada”. As imagens mostram Neymar sendo atingido, mas outros atletas também caíram no chão.

“Distorceram a história, uma garrafa atingiu Neymar e mudaram a história, o que é um episódio de violência de uma pessoa dentro de Mestalla (estádio do Valencia) e agora culpam um Neymar, para mim realmente é uma surpresa”, disse.

Pai de Neymar também defende

O pai de Neymar também defendeu o filho em relação ao episódio, em entrevista à rádio espanhola "Cadena Cope", ele disse que não houve excesso. "O futebol é assim. É uma partida de futebol e em uma partida de futebol os nervos estão à flor da pele e todos falam coisas. É normal, para nós. Claro que no futebol há provocações, tanto de um lado como do outro. É parte do futebol", disse Neymar.

"O Barcelona explodiu de alegria depois de conquistar a vitória e isto é normal. Não, não vejo nada de errado em Neymar", completou o pai, antes de recordar que "os ataques que vieram da torcida foram insultos, aconteceram muitas coisas".

Com informações da agência AFP

Quer receber notícias do Barcelona de graça pelo Facebook Messenger? Clique AQUI e siga as instruções.

Futebol