PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Guardiola admite interesse em levar Sané ao City: 'Temos falado com ele'

Leroy Sané, 20 anos, já admitiu intenção de deixar o Schalke 04 - Alexander Hassenstein/Getty Images
Leroy Sané, 20 anos, já admitiu intenção de deixar o Schalke 04 Imagem: Alexander Hassenstein/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

20/07/2016 20h07

O técnico do Manchester City, Pep Guardiola, admitiu nesta terça-feira seu interesse na contratação de Leroy Sané, meia-atacante do Schalke 04.

Guardiola esteve nesta terça-feira na Alemanha, onde comandou o time inglês em um amistoso contra o Bayern de Munique – justamente a última equipe comandada por Guardiola. Em campo, o Bayern venceu o amistoso entre os dois times por 1 a 0, graças ao gol de Erdal Oeztuerk.

Presente à sala de imprensa da Allianz Arena, Guardiola reconheceu que o Manchester City tem inclusive conversado com Sané a respeito de uma possível transferência.

“Sané é jogador do Schalke. Temos falado com ele. O Schalke sabe que o queremos, mas neste momento não temos muitas possibilidades com ele. A diferença entre os dois clubes é bastante grande, mas não sei o que acontecerá nas próximas semanas ou meses”, disse.

O próprio Schalke, porém, já admitiu que Leroy Sané quer deixar a equipe. Na segunda-feira, o diretor esportivo da equipe alemã, Christian Heidel, afirmou que o jogador expressou seu desejo de ser negociado.

“Leroy deixou claro que gostaria de sair no meio do ano", disse Heidel, em entrevista à rede de TV britânica “Sky Sports”. "Ele vai sair o Schalke de pleno acordo se as condições forem alcançadas”, completou.

Volta para casa

As três temporadas nas quais foi treinador do Bayern de Munique não foram esquecidas pela torcida de Munique. O catalão foi muito bem recebido pelo público local e pelo próprio Bayern.

"Senti que estava voltando para casa. Foram três anos incríveis para mim e para minha família. Revi muitos amigos. Parabéns ao Bayern de Munique pela vitória e pelo grande treinador que me substitui. Vou continuar acompanhando a trajetória do time", afirmou Guardiola ao site dos bávaros.

(Com informações Lancepress!)

Futebol