PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Top 5: de Marcelo a Klose, os jogadores mais subestimados do Fifa

Bruno Doro e Diogo Coelho

Do UOL e GameHall, em São Paulo

13/03/2015 06h00

A cada ano que passa, a série FIFA evolui nos gráficos, na jogabilidade, na mecânica... Tudo para tornar a experiência do gamer cada vez mais interessante. Isto inclui, também, a habilidade dos jogadores, com os produtores tentando, cada vez mais, aproximar a realidade do game com a das grandes estrelas.

Mesmo assim, é comum ouvir dos gamers que "fulano joga muito no videogame e não é tão bom na vida real". O contrário também vale. Na hora de definir o "overall" (média das habilidades do atleta), não é apenas a técnica que conta. Com isso, fizemos uma lista dos cinco jogadores mais subestimados dentro do game:

Gerard Piqué (Espanha – Barcelona)

Tudo bem que o rating de 84 o coloca no grupo dos dez melhores zagueiros do planeta, mas poderia ser melhor: ele é titular da zaga do Barcelona desde 2008 e divide o comando da defesa da Espanha com Sérgio Ramos desde a Copa de 2010. Mesmo assim, fica atrás de outro espanhol, Javi Martínez, do Bayern de Munique . O time alemão, conhecido por ter um ataque potente nos campos reais, tem a melhor defesa virtual, com três zagueiros (Boateng, Javi Martínez e Benatia) entre os dez melhores da posição.

César Azpilicuelta (Espanha – Chelsea)

Ele é o homem mais subestimado da defesa do Chelsea. Mas quem olha para a escalação do clube londrino em jogos importantes sempre o vê por lado. Com um detalhe: seu reserva é o brasileiro Filipe Luis, que chegou a peso de ouro do Atlético de Madrid. Mesmo assim, originalmente o espanhol não chegou nem mesmo ao rating 80 no Fifa – ele recebeu um upgrade de meio de temporada e foi de 79 a 81 de overall. Mesmo assim, fica atrás de Filipe Luís (82).

Marcelo (Brasil – Real Madrid) e Alaba (Áustria – Bayern de Munique)

Pouca gente discute que os dois são os melhores laterais esquerdos do mundo atualmente, donos de seu lado do campo por dois dos clubes mais fortes do mundo. Até mesmo o Fifa admite isso. O problema, porém, é a baixa avaliação dos laterais esquerdos em geral. Com overall 82, eles estariam fora da lista dos 20 melhores defensores do game –  ficariam atrás até de Daniel Alves, que há duas temporadas está em baixa no Barcelona.

Miroslav Klose (Alemanha - Lazio)

Existe um fato que precisa ser levado em conta. Klose é o maior artilheiro da história da Copa do Mundo. Deveria existir um nível mínimo para recordistas, para que um atleta da importância do alemão (com overall 81) não aparecesse atrás em uma lista de nomes como Huntelaar (holandês do Schalke com 84), Negredo (espanhol do Valencia com 83) ou Doumbia (marfinês que era do CSKA no início da temporada, com 82).

Futebol