PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Playboy é notificada sobre ação de Neymar e entra com recurso

Do UOL, em São Paulo

01/07/2014 17h24

O site oficial de Neymar divulgou em nota, nesta terça-feira, que o jogador entrou com liminar na Justiça pedindo para que a revista Playboy tire, imediatamente, de circulação a edição com Patrícia Jordane, suposto ex-affair do camisa 10 da seleção. A ação do jogador tem como objetivo retirar as revistas das bancas enquanto o processo contra a Playboy não tem definição na Justiça.

Junto com a nota oficial, a assessoria do jogador anexou um documento que prova a ciência da editora Abril sobre a ação.

Em contato com o UOL Esporte, o diretor de redação da Playboy, Sérgio Xavier, confirmou ter sido notificado sobre a intimação na tarde desta terça-feira e que já entrou com recurso na Justiça.

Na última semana, Neymar divulgou em seu site que a revista Playboy teria de retirar a capa com Patricia Jordane das bancas. O motivo disso era a decisão da 3ª Vara Cível da Comarca de São Paulo que dizia que a publicação havia divulgado uma mentira em relação ao jogador e explorava seu nome sem autorização.

No dia seguinte da nota divulgada, Sérgio Xavier disse ao UOL Esporte que ainda não havia sido notificado da liminar da Justiça e que respeitaria a decisão assim que recebesse a ordem.

A revista de Patricia Jordane deveria ficar na banca até o próximo dia 14 quando a próxima edição, com a ex-BBB Vanessa, estará à venda.

Futebol