Topo

Futebol


Tulio faz três, garante vitória sobre Santos de Angola e fica a dois do milésimo

Túlio Maravilha balançou as redes em três oportunidades e está a dois do gol mil - Fernando Soutello/AGIF
Túlio Maravilha balançou as redes em três oportunidades e está a dois do gol mil Imagem: Fernando Soutello/AGIF

Do UOL, no Rio de Janeiro

24/02/2013 12h52

Herói do titulo do Campeonato Brasileiro de 1995, quando o Botafogo venceu o Santos , no Pacaembu, Túlio Maravilha brilhou novamente na manhã deste domingo. E contra um homônimo do clube de Pelé, Neymar e tantos outros: o Santos de Angola. O atacante marcou três vezes, garantiu o triunfo do Glorioso sobre os africanos e ficou a dois do milésimo da carreira, segundo suas contas.

Os gols de número 996, 997 e 998 foram marcados apenas para 300 sócios-torcedores, que participaram de uma promoção do clube e puderem ver a reabertura do estádio Caio Martins, atualmente utilizado pelas categorias de base. Apesar do calor intenso, o atacante de 43 anos teve boa movimentação e mostrou estar em grande forma apesar da idade avançada.

Logo aos 5min, o Botafogo teve um pênalti a seu favor e Túlio não desperdiçou.  O Santos chegou ao empate 10min depois, em uma falha da defesa. Não tinha problema. Acostumado aos gramados de Caio Martins, o atacante marcou o gol mais bonito do jogo aos 42min da etapa complementar. Ele se livrou da marcação e finalizou com força da entrada da área.

No segundo tempo, o Santos de Angola voltou pressionando e chegou ao empate logo aos 7min, de pênalti. A partir deste momento o clima de festa sumiu das arquibancadas. O Botafogo tomou a rédea do confronto e passou a atacar insistentemente. Até que aos 39min o árbitro deu uma força e marcou pênalti inexistente para o Glorioso. Túlio Maravilha não se importou, marcou o seu terceiro na partida e garantiu o triunfo.

Esta é a quarta partida de Túlio no projeto rumo ao milésimo gol. Desde que retornou ao clube, o jogador já enfrentou o Boavista, no Engenhão, o Cachoeiro FC, em Cachoeiro do Itapemirim-ES. Além desses, balançou as redes duas vezes contra o Rio Branco, em Campos. Com os três marcados contra o Santos de Angola, o atacante chegou aos 998 e está a dois do gol mil.

Mais Futebol