PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Wallace relembra o Corinthians em apresentação e diz que Fla é 'muito maior'

O zagueiro Wallace foi apresentado na manhã desta sexta-feira pelo Flamengo - Alexandre Vidal/Fla Imagem
O zagueiro Wallace foi apresentado na manhã desta sexta-feira pelo Flamengo Imagem: Alexandre Vidal/Fla Imagem

Do UOL, no Rio de Janeiro

18/01/2013 11h40

Contratado para reforçar a zaga do Flamengo, Wallace não demorou muito tempo para ser apresentado. Na manhã desta sexta-feira, o defensor foi ao centro de treinamento Ninho do Urubu para conhecer os companheiros e vestir a camisa rubro-negra pela primeira vez. Wallace relembrou o Corinthians – seu ex-clube – na apresentação e comparou os dois clubes.

“Estou extremamente feliz de poder sair de uma equipe grande como o Corinthians e vir para uma muito maior. São as duas maiores equipes do Brasil. Estou motivado, alegre e querendo ajudar o Dorival de todas as formas”, disse Wallace, que assinou contrato por 4 anos.

Flamengo
Flamengo
#dev_albumEmbed010('tagalbum','15663')

O tamanho do Flamengo é algo que Wallace entende bem.  O zagueiro sabe que enfrentará uma pressão ainda maior do que a que encarou em seu ex-clube, o atual campeão mundial. Apesar de esperar uma forte cobrança, o defensor acredita num ano de sucesso.

“Jogar no Flamengo é entrar num caldeirão mesmo, pressão de todos os lados, da imprensa e torcida. É assim desde sempre, tenho noção, vim sabendo da responsabilidade. Nunca entra para ser segundo, o time entra para ser primeiro, já estava ciente disso. Estou esperançoso que as coisas aconteçam, e o time deslanche. Esse ano será vitorioso para mim e para o Flamengo”, espera o zagueiro.

Se a passagem pelo Corinthians ensinou Wallace como é a vida de um jogador de grande clube, a infância em Conceição do Coité, na Bahia, o mostrou como é apaixonada a torcida rubro-negra. E o exemplo veio de casa.

“Sou baiano, minha cidade é no interior da Bahia, minha família toda é flamenguista. Não tenho dúvida que todos estão muito felizes. Estou feliz também, na infância tinha muito carinho pelo Flamengo, não deixa de ser um sonho vestir essa camisa”, confessou o jogador.

A alegria por vestir a camisa rubro-negra não quer dizer que o zagueiro esqueceu sua responsabilidade dentro de campo. Aos 25 anos, Wallace chega com a promessa de lutar por uma das vagas no time titular com Renato Santos, González, Frauches e Arthur Sanches.

“Já estava um período tentando ser titular. Ano passado tive problemas de lesões sérias, ruptura de ligamentos, não puder dar uma sequência maior. Vi que chegou meu tempo de sair, no Flamengo seria um recomeço. A diretoria que assumiu tem um planejamento interessante, isso me chamou atenção. Estou recomeçando do zero, o Flamengo também. Vou tentar ser titular para que eu possa prorrogar meu tempo útil aqui”, projetou Wallace.

Futebol