PUBLICIDADE
Topo

UOL de Primeira

Os bastidores do futebol em primeira mão


UOL de Primeira

Grama sintética não resolverá 100% dos jogos do Palmeiras em caso de shows

Allianz Parque passa por reforma para instalação de gramado sintético para a temporada 2020 - Divulgação
Allianz Parque passa por reforma para instalação de gramado sintético para a temporada 2020 Imagem: Divulgação
Exclusivo para assinantes UOL

Do UOL, em São Paulo

22/01/2020 04h00

Uma das metas da troca do campo no Allianz Parque é evitar que o Palmeiras seja forçado a mandar jogos fora de casa em 2020, mas a grama sintética por si só não resolve este problema. A De Primeira apurou que os jogos às vésperas ou nos dias seguintes a shows realizados no estádio serão possíveis apenas em casos específicos, a depender do tamanho do evento e principalmente da estrutura do palco. Uma apresentação grandiosa como a de Roger Waters, no ano passado, já causaria problemas.

Após os shows, a grama sintética em si deve ficar pronta para utilização em apenas seis horas, uma diferença considerável quando à natural. Mas a desmontagem do palco segue durando de 24 a 36 horas, podendo ser reduzida a 12 horas em casos pontuais, em cerca de 20% dos shows, nos quais é possível fazer adaptações como a suspensão de estruturas no teto. Um exemplo positivo foi um estudo feito em novembro, que viabilizaria uma apresentação de Shawn Mendes na véspera de Palmeiras x Flamengo - o show acabou sendo cancelado, mas a operação seria possível. (Por Arthur Sandes)

UOL de Primeira