PUBLICIDADE
Topo

Notícias em primeira mão dos bastidores do futebol, informações exclusivas sobre o seu time, novidades do mercado da bola e o melhor do jornalismo esportivo em um só lugar. Só para assinantes UOL!

Corinthians ainda tem verba milionária para reforçar time em 2019

Técnico Fábio Carille ainda tem pouco mais de R$ 22 milhões para gastar em contratações ao longo da temporada - Marcello Zambrana/Agif
Técnico Fábio Carille ainda tem pouco mais de R$ 22 milhões para gastar em contratações ao longo da temporada Imagem: Marcello Zambrana/Agif

Do UOL, em São Paulo

17/01/2019 04h00

O Corinthians ainda tem pouco mais de R$ 22 milhões para investir em novas contratações na temporada 2019. O valor é equivalente a menos da metade do montante previsto pelo clube no orçamento. O total incluído no documento é de R$ 42,2 milhões, sendo que o clube desembolsou até agora aproximadamente R$ 20 milhões.

A diretoria alvinegra já contratou oito reforços para a temporada, mas só precisou mexer nos cofres em três negociações: as do meia Sornoza (cerca R$ 10 milhões), do volante Richard (R$ 8 milhões) e do atacante André Luis (R$ 1,5 milhão). Procurada pela De Primeira, a diretoria financeira informou que os R$ 22 milhões podem ser investidos ao longo do ano em casos de "oportunidade de mercado", evitando qualquer previsão para as próximas semanas. (Por Arthur Sandes e Diego Salgado)

Palmeiras não renova com Erik antes de empréstimo

O Palmeiras topou emprestar Erik ao Botafogo depois de uma difícil negociação, que chegou a ser dada por encerrada mais de uma vez. O detalhe é que o Alviverde não quis renovar com o atacante antes de acertar a sua ida. Seu contrato com o atual campeão brasileiro só vale até 2020. Assim, quando retornar de General Severiano, terá apenas mais seis meses antes de poder assinar pré-contrato. No caso de Papagaio, por exemplo, o Palmeiras fez questão de renovar com o jovem até 2024, para garantir que após o empréstimo ao Atlético-MG ele ainda siga no clube paulista. (Por Danilo Lavieri)

Jovem alviverde ganha mais um ano de contrato

Ainda no Palestra, o clube ampliou o vínculo de Matheus Rocha por mais um ano. No final de novembro de 2018, a diretoria já tinha renovado o vínculo do jovem até dezembro de 2019. Com a projeção de aproveitamento após os treinos no elenco profissional nesta temporada, o atleta firmou compromisso até dezembro de 2020. (Por Danilo Lavieri)

Grupo projeta até R$ 2,6 bi por direitos do Brasileiro

Após a BR Foot não pagar os R$ 100 milhões da primeira parcela acertada com os clubes pelos direitos de transmissão do Brasileiro no exterior, uma nova rodada de negociações acontece nos corredores da CBF. Citado depois da primeira licitação, mas sem conseguir participar do processo, o fundo de investidores Prudent Group propôs novamente a compra do pacote internacional de dez anos por 200 milhões de dólares (R$ 746 milhões, em valor fixo garantido), mais 50% do valor a ser arrecadado com a comercialização de placas em uma projeção que pode somar R$ 2,6 bilhões (a ser dividido igualmente entre os times), de acordo com a apresentação feita à CBF. O grupo, com sede em Luxemburgo, na Europa, e que tem como gestores de risco o ABN AMRO Bank, a Price Waterhouse e o Apex Fund, conta com o lobby de Athletico-PR, Corinthians, Cruzeiro e Botafogo. A confederação informou que aguardará até 28 de janeiro para receber outras propostas e analisar a oferta do Prudent Group. (Por Napoleão de Almeida e Pedro Ivo Almeida)

Vitória pede cota extra à Globo na série B

O Vitória, que caiu para a Série B do Brasileiro deste ano, está tentando uma cota extra além dos R$ 7 milhões do que a Globo pagará igualitariamente para todos os clubes da segunda divisão a partir deste ano. O argumento do rubro-negro baiano é que vários jogos serão exibidos em TV aberta aos sábados, e que isso elevaria os direitos além do valor fechado. A emissora carioca até aceita conversar com o clube, mas antes, quer garantias de uma dívida que o Vitória tem com ela. Em 2016, a Globo adiantou R$ 20 milhões para o Leão da Bahia, e até agora não houve a devolução dessa verba. Sem saber quando receberá, a Globo não conversa. O Vitória tem tentado alternativas para conseguir mais dinheiro e diminuir sua disparidade por conta da queda de divisão. Seu orçamento de 2019 ainda não foi aprovado. Na semana passada, R$ 5 milhões emergenciais foram liberados para o começo dos trabalhos na temporada. (Por Gabriel Vaquer)

Lateral ex-São Paulo negocia com time da Bolívia

Foram seis temporadas nas categorias de base e apenas uma atuação pelo time profissional até que a passagem de Foguete pelo São Paulo terminasse, em 31 de dezembro de 2018. O lateral-direito de 22 anos, livre no mercado, agora tenta definir seu futuro no futebol e negocia com o Jorge Wilstermann, da Bolívia. A equipe já conta com Alex Silva, o Pirulitol, e Lucas Gaúcho como revelações do São Paulo e decidiu ir atrás de mais uma cria de Cotia. O elenco boliviano também com outro brasileiro, o veterano atacante Serginho, ex-Portuguesa. (Por Bruno Grossi)

Athletico encaminha acerto com a Globo até 2024

O Athletico fechou termos de contrato e está muito próximo de anunciar um acordo com a Globo para o Brasileirão, em TV aberta e pay-per-view. A De Primeira apurou que as reuniões definitivas ocorreram na última passada e que o clube parananense aceitou a redução proposta pela Globo para times que assinaram com a Turner na TV paga. O contrato será de 5 anos - de 2019 a 2024. O Rubro-negro projeta um faturamento de até R$ 93 milhões por ano com o cumprimento de suas metas. Esse valor lhe coloca na segunda prateleira dos clubes que mais faturam com TV, juntamente com os mineiros Atlético-MG e Cruzeiro, e os gaúchos Internacional e Grêmio. Procurada, a Globo não respondeu aos contatos até o fechamento dessa reportagem. (Por Gabriel Vaquer)