PUBLICIDADE
Topo

Notícias em primeira mão dos bastidores do futebol, informações exclusivas sobre o seu time, novidades do mercado da bola e o melhor do jornalismo esportivo em um só lugar. Só para assinantes UOL!

Imbróglio na Justiça deixa árbitros do Brasileiro sem spray para barreira

Árbitro usa o spray para delimitar barreira; Brasileiro está sem o artigo por questão judicial - REUTERS/Alberto Lingria
Árbitro usa o spray para delimitar barreira; Brasileiro está sem o artigo por questão judicial
Imagem: REUTERS/Alberto Lingria

Do UOL, em São Paulo

26/09/2018 04h00

A CBF ainda busca, sem perspectivas a curto prazo, uma solução para a falta de spray para os árbitros marcarem as barreiras em cobranças de falta no Campeonato Brasileiro. No fim de 2017, a empresa Spuni Comércio de Produtos Esportivos e Marketing Ltda, que alega ser a criadora do produto, conseguiu na Justiça que a invenção fosse vetada por desrespeito às leis de proteção a propriedade intelectual.

De acordo com o Coronel Marinho, chefe de arbitragem da CBF, a entidade ainda procura alternativas. “Temos a possibilidade de um produto de fora, importado, mas é muito caro e envolve impostos, taxas de importação, e precisaríamos comprar um número razoável. Também temos tentado um acordo com o fabricante nacional, temos conversado, mas é difícil”, explicou à De Primeira. (Por Dassler Marques)

Everton envia olheiro para observar Militão; SP tem direito a 10%

Atual clube de Richarlison e Bernard, o Everton está de olho em Éder Militão. No último sábado, os ingleses, que possuem relação estreita com os agentes do brasileiro, enviaram um representante para vê-lo em ação na vitória de 2 a 0 do Porto sobre o Vitória de Setúbal. Eles já haviam viajado para acompanhá-lo também contra o Schalke 04, em sua estreia na Liga dos Campeões, na semana passada.

Em ambas as ocasiões, Militão foi o melhor em campo. Mais uma vez convocado para a seleção, o zagueiro de 20 anos se firmou rapidamente ao lado do compatriota Felipe, ex-Corinthians, e desbancou a revelação portuguesa Diogo Leite. Para o seu estafe, ele dificilmente passará mais de uma temporada no Porto, que pagou 4 milhões de euros (R$ 18 milhões) por seu futebol. A avaliação é de que já vale no mínimo cinco vezes mais, 20 milhões de euros (R$ 92 milhões). O São Paulo, seu ex-time, tem direito a 10% em uma futura venda. (Por Marcus Alves)

Fla: Lomba não repete promessa de Bandeira por títulos

Candidato da situação na eleição do Flamengo, Ricardo Lomba lançou o seu "Plano de Metas" para o triênio 2019/2021. Ao contrário do que foi apregoado no segundo programa de governo de Bandeira de Mello, o agora postulante à presidência evita falar em conquistas de títulos. Quando bateu Wallim Vasconcellos, em 2015, um dos capítulos do plano do atual mandatário era sobre a "conquista da Taça Libertadores da América", meta que não foi alcançada.

Em 2012, Bandeira, que foi eleito com o apoio do agora opositor Rodolfo Landim, venceu encabeçando a chapa "Fla Campeão do Mundo", outro sonho que não saiu do papel. Em 99 páginas, Lomba discorre sobre os mais diversos assuntos e afirma compromisso na compra de um terreno para a construção de um estádio para 45 mil pessoas ou mais. O sonho de pegar a gestão do Maracanã é tratado como "improvável" pelo representante da situação rubro-negra. (Por Leo Burlá e Vinicius Castro)

São Paulo e seu "centro de inteligência" por reforços

O São Paulo está no mercado para, enfim, montar seu centro de inteligência para prospecção de reforços. O clube deve contratar até dois profissionais para análise de desempenho e scout. Atualmente, dois analistas já trabalham na comissão técnica: Luis Felipe Batista e Raony Thadeu. A dupla estuda adversários e ajuda Diego Aguirre a montar os materiais para as preleções táticas das partidas. A ideia de ter mais pessoas na equipe é manter a busca por reforços ativa durante todo o ano com mais intensidade, e não somente antes das janelas de transferências. A ampliação desse departamento era prometida desde o fim de 2015, no início da gestão de Carlos Augusto de Barros e Silva, como um objetivo do ex-diretor Gustavo Oliveira, mas havia congelado. Raí, que curiosamente é tio do de Gustavo, retomou o projeto. O plano é também ter uma estrutura física maior e melhor. A reforma prevista para o CT da Barra Funda contemplará um novo espaço para os analistas. (Por Bruno Grossi)

São Paulo faz acordo e paga dívida de R$ 305 mil com Lúcio

O São Paulo fez um acordo para quitar uma dívida de R$ 305 mil, referente a direitos de imagem atrasados, do zagueiro Lúcio, campeão mundial pela seleção brasileira em 2002 e que passou pelo clube do Morumbi em 2013. O valor foi parcelado em três vezes de pouco mais de R$ 101 mil, e duas já foram pagas, restando a terceira. (Por Pedro Lopes)

Santos: Presidente gera moção de repúdio na Câmara

Vereadores apresentaram nesta segunda-feira (24), na Câmara Municipal de Santos, uma moção de repúdio a declarações dadas pelo atual presidente do Santos, José Carlos Peres. “O Santos é o RH da cidade. Vamos abrir o jogo. Só dá teta gostosa e fila para emprego”, afirmou o presidente em entrevista recente dada à página Santos Play. Desafetos do mandatário tinham como objetivo obter o apoio de vereadores para retirar de Peres o título de cidadão santista por conta dessa e de outras declarações – como tratar ‘o estádio Urbano Caldeira como um puxadinho’, por exemplo. A tentativa, porém, resultou apenas numa moção de repúdio liderada pelo vereador Chico Nogueira e que, após ser assinada por todos os vereadores da Câmara, será enviada ao presidente Peres. (Por Marcello de Vico e Ricardo Perrone)