PUBLICIDADE
Topo

Notícias em primeira mão dos bastidores do futebol, informações exclusivas sobre o seu time, novidades do mercado da bola e o melhor do jornalismo esportivo em um só lugar. Só para assinantes UOL!

SP vive reta final por fornecedora; Adidas, Topper e Under Armour na briga

São Paulo, de Diego Souza, negocia com empresas um contrato de fornecimento de material esportivo -  Daniel Vorley/AGIF
São Paulo, de Diego Souza, negocia com empresas um contrato de fornecimento de material esportivo
Imagem: Daniel Vorley/AGIF

Do UOL, em São Paulo

27/02/2018 04h00

O São Paulo quer definir sua nova fornecedora de material esportivo ainda nesta semana. A ideia é que a próxima parceira seja escolhida nos próximos dias para que, em março, o tempo seja reservado para a formulação do contrato. A concorrência atualmente tem três marcas: Topper, Adidas e a própria Under Armour, que rescindiu seu primeiro vínculo em dezembro e tenta retomar a parceria com outros moldes. A marca americana produzirá os uniformes do Tricolor até junho, mesmo que não vença a concorrência.

Neste cenário, seriam três meses para que a nova fornecedora preparasse a linha de produtos para os são-paulinos e se organizasse para evitar problemas de distribuição. Com a Under Armour, a transição seria mais branda. A Adidas foi a última a entrar no páreo e apresentou força, principalmente pelo maior apelo com o público. A empresa alemã tem contrato com o Palmeiras até dezembro, mas não há nenhuma restrição para assumir o Tricolor, principalmente com o rival alviverde já próximo de anunciar acordo com a Puma. (Por Bruno Grossi)

Corinthians: Sem Carlinhos, Atlético-PR reduz troca

O acordo entre Corinthians e Atlético-PR por uma troca entre o volante Camacho e o lateral esquerdo Sidcley envolvia, originalmente, um segundo jogador, que era o centroavante Carlinhos. A opção do jovem corintiano em seguir para o Oeste-SP, entretanto, deixou a negociação mais simples entre os dois clubes por um empréstimo de um ano. 

O treinador Fernando Diniz e o Atlético, porém, não exigiram nenhuma nova contrapartida em função dessa recusa de Carlinhos, já que o objetivo principal das negociações sempre foi ficar com Camacho. A equipe paranaense, vale lembrar, já tem em seu elenco o meia Guilherme, emprestado pelo Corinthians com pagamento de cerca de 50% dos salários. (Por Dassler Marques)

Corinthians: Lateral agrada Carille, que estuda chance no Paulista

Ainda sem minutos na temporada 2018, o jovem Guilherme Mantuan tem recebido elogios da comissão técnica do Corinthians, que planeja ao menos uma oportunidade em um dos últimos dois jogos da fase de grupos do Paulistão – 7 de março, contra o Mirassol, e 11 de março, diante do Botafogo-SP. Prejudicado por lesões no ano passado, Mantuan foi promovido a reserva imediato de Fagner em detrimento a Léo Príncipe, que ainda procura um novo clube para empréstimo. (Por Dassler Marques)

Corinthians: Agente processa atacante e exige parte de salários

O empresário de jogadores Fernando Otto acionou na Justiça o atacante Marquinhos Gabriel, do Corinthians. O agente cobra comissões de 10% sobre o salário do jogador nos anos de 2013 e 2014, quando Marquinhos defendeu Santos, Palmeiras e Al-Nasser, da Arábia. Os valores somados chegam a cerca de R$ 280 mil. (Por Pedro Lopes)

Cruzeiro: Após quitar atrasados, clube paga antecipado

Depois de três meses de atrasos consecutivos, os salários estão em dia na Toca da Raposa II. E não só isso. Os vencimentos correspondentes a janeiro foram pagos antecipadamente. A cúpula realizou o pagamento no segundo dia de fevereiro, antes da data obrigatória. O valor teria que ser depositado aos atletas no quinto dia útil (7 de fevereiro), mas foi entregue cinco dias antes, em 2 do mesmo mês. A informação foi confirmada pelo vice-presidente de futebol Itair Machado e por pessoas ligadas a três atletas do elenco à coluna De Primeira. (Por Thiago Fernandes)

Grêmio: Novo analista de desempenho trabalhou com Cuca

O Grêmio tem um novo membro no Centro Digital de Dados (CDD). Indicado por Renato Gaúcho, o analista de desempenho Daniel Cerqueira foi contratado para trabalhar no setor. No ano passado o Tricolor demitiu Eduardo Cecconi do posto. Cerqueira, cujo último trabalho foi com Cuca, no Palmeiras, trabalhará sob coordenação de Lucas Oliveira, que já era profissional gremista e estava em setor similar na seleção brasileira. (Por Marinho Saldanha)