Topo

Coluna

Oscar Roberto Godói


Veremos arbitragens favoráveis para grandes se classificarem no Paulista?

Corinthians Santos Campeonato Paulista papeis gramado - Marcelo Zambrana/Agif
Corinthians Santos Campeonato Paulista papeis gramado
Imagem: Marcelo Zambrana/Agif
Oscar Roberto Godói

Jornalista e ex-árbitro, esteve sob a chancela da Fifa de 1993 a 2000.

12/03/2019 04h00

Como está difícil de ver um time levar vantagem sobre o adversário mesmo estando com jogador a mais em campo. Incrível! Nem a condição de ser um clube grande está prevalecendo contra o pequeno. No jogo Mirassol 1 x Palmeiras 1, o time do interior empatou o jogo quando estava jogando com 10.

O árbitro Vinicius Araújo, que está se especializando em ajudar os grandes, foi muito rigoroso para expulsar o atacante Zé Roberto em jogada com Diogo Barbosa. Sempre fica a dúvida para o torcedor do clube pequeno: se fosse ao contrário, ele expulsaria? Clube grande tem a obrigação de superar até os equívocos da arbitragem.

O clássico da rodada entre Corinthians x Santos terminou empatado em 0 a 0 e ninguém transferiu para o árbitro Douglas Flores a incompetência técnica e tática. O quarto árbitro Vinicius Furlan teve muito trabalho com os técnicos, principalmente o do Corinthians, Fábio Carille. Interessante é observar a omissão do árbitro em proteger seus companheiros de trabalho. Toda a conversa, respeitosa ou não, está sendo ouvida pelo árbitro principal. E nem assim acontece uma advertência, por mais educada que possa ser.

O sistema de disputa do Paulistão favorece, teoricamente, a classificação dos quatro clubes grandes. Por não estar jogando bem, o São Paulo é o único que está correndo o risco de ficar de fora da fase seguinte. Vamos ficar de olho nas arbitragens para ver se haverá necessidade de interpretações favoráveis.

Os jogos envolvendo as equipes que tentam escapar do rebaixamento também merecem arbitragens competentes e isentas. Que as classificações e rebaixamentos aconteçam por méritos ou incompetência dos times, sem a participação direta e explicita das arbitragens equivocadas.

Mais Oscar Roberto Godói