PUBLICIDADE
Topo

Menon

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

São Paulo pode ser campeão hoje

Marquinhos, ala/pivô do basquete do São Paulo - Paulo Pinto/Saopaulofc.net
Marquinhos, ala/pivô do basquete do São Paulo Imagem: Paulo Pinto/Saopaulofc.net
Conteúdo exclusivo para assinantes
Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

18/10/2021 04h00

O São Paulo pode conseguir seu primeiro título no basquete, hoje a partir das 18h no ginásio Antônio Leme Nunes Galvão, no Morumbi.

O adversário é Franca, a quem o São Paulo derrotou, fora de casa, por 66 a 64, com um arremesso de três pontos de Coelho a dois segundos do final. Se Franca vencer, haverá um terceiro jogo, quarta-feira, no mesmo local.

Os dois times possuem destaques do atual basquete que se joga no Brasil. Franca tem Georginho e Lucas Mariano, que eram do São Paulo, Lucas Dias e David Jackson. O São Paulo tem Marquinhos, que estava no Flamengo, Bruno Caboclo, que jogou na NBA, Tyrone e Bennett.

Franca é o mais tradicional time de basquete do Brasil e atual tricampeão paulista. O São Paulo tem um projeto novo, iniciado em 2019 e que no ano passado foi vice-campeão do NBB, perdendo a final para o Flamengo.

O São Paulo, além do NBB, que começa dia 23 de outubro, jogará também a Liga das Américas, de 10 de dezembro a 8 de abril. O torneio reúne 12 times do continente. O grupo do tricolor tem Quimsa, da Argentina, e Nacional, do Uruguai. Flamengo e Minas são os outros representantes brasileiros.

O tricolor espera pela recuperação de Shamell, que teve uma lesão na mão direita e nem foi inscrito no Paulista.