PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Menon


Menon

Só os jogadores salvam o São Paulo. Diniz não tem mais nada a oferecer

Menon

Meu nome é Luis Augusto Símon e ganhei o apelido de Menon, ainda no antigo ginásio, em Aguaí. Sou engenheiro que nunca buscou o diploma e jornalista tardio. Também sou a prova viva que futebol não se aprende na escola, pois joguei diariamente, dos cinco aos 15 anos e nunca fui o penúltimo a ser escolhido no par ou ímpar. Aqui, no UOL, vou dar seguimento a uma carreira que se iniciou em 1988. com passagens pelo Trivela, Agora, Jornal da Tarde entre outros.

15/01/2021 13h25

Em conversa com o amigo Luiz FC Almeida (@luizfcalmeida), cheguei à uma conclusão: só os jogadores, através de uma grande melhora técnica, poderão fazer o São Paulo vencer o título brasileiro. Está na mão deles.

Não há nada a esperar de Fernando Diniz. E isso não tem a ver se ele é bom ou ruim, se ele merece continuar ou deve sair.

A verdade é que Diniz, taticamente falando, não tem mais nada a oferecer.

1) O time vai continuar jogando do mesmo jeito, com jogo apoiado, triangulações e saída de jogo desde o goleiro. Tudo que a modernidade prega. Tudo que já foi mapeado e anulado.

2) As substituições são de dois tipos. O primeiro é trocar seis por meia dúzia. Sai Gabriel Sara e entra Vitor Bueno. Nada que mude a tática.

3) O segundo tipo é o modo desespero. Tira um zagueiro, tira um meia e coloca as torres gêmeas, Trellez e Carneiro, ambos com notória dificuldade em dialogar com a bola, a quem chamam de Vossa Majestade Imperial.

3) Como não vai na tática, poderia ser no emocional, no grito, no entusiasmo. Mas Diniz se perdeu no caso Tchê Tchê.

A salvação está, dentro da tática estabelecida, haver um grande crescimento técnico. Ousadia. Uma jogada diferente, um drible, um chute surpreendente.

Pode ser, mas é difícil. Não vejo nenhum Marinho no grupo de jogadores. Igor Gomes e Gabriel Sara são jogadores que rendem bem em um time coletivamente bem armado. Não os vejo com a capacidade inversa: fazer o time render mais a partir de suas qualidades técnicas.

Outra opção para vencer é continuar sendo agraciado pelas derrotas dos rivais. E sair da maré de jogos perdidos.

Menon