PUBLICIDADE
Topo

Mauro Cezar Pereira

Vasco chega a 8 jogos sem vencer e Cano acumula 698 minutos na seca de gols

Cano: jejum de oito partidas sem gol - Thiago Ribeiro/AGIF
Cano: jejum de oito partidas sem gol Imagem: Thiago Ribeiro/AGIF
Mauro Cezar Pereira

Mauro Cezar Pereira nasceu em Niterói (RJ) e é jornalista desde 1983, com passagens por vários veículos, como as Rádios Tupi e Sistema Globo. Escreveu em diários como O Globo, O Dia, Jornal dos Sports, Jornal do Brasil e Valor Econômico; além de Placar e Forbes, entre outras revistas. Na internet, foi editor da TV Terra (portal Terra), Portal AJato e do site do programa Auto Esporte, da TV Globo. Trabalhou nas áreas de economia e automóveis, entre outras, mas foi ao segmento de esportes que dedicou a maior parte da carreira. Lecionou em faculdades de Jornalismo e Rádio e TV. Colunista de O Estado de S. Paulo e da Gazeta do Povo, desde 2004 é comentarista dos canais ESPN.

19/10/2020 04h00

O gol de Germán Cano sobre o Botafogo, aos 26 minutos do segundo tempo, foi fundamental para a última vitória do Vasco em 2020. Desde os 3 a 2 no Estádio Nilton Santos, em 13 de setembro, o time não consegue mais ganhar. São oito partidas em jejum, seis pelo Campeonato Brasileiro e duas da Copa do Brasil, competição da qual já foi eliminado.

São dois empates e seis derrotas, quatro delas consecutivas nos últimos jogos, para Atlético Mineiro, Bahia, Flamengo e Internacional, com dois gols assinalados e 11 sofridos. Esse período ruim da equipe coincide com a seca do artilheiro, que não marca um gol desde aquele tento no Engenhão.

Cano vive uma seca de 698 minutos, ou seja, 11 horas e 38 jogando futebol e sem fazer gol. Em cinco partidas da série negativa ele permaneceu em campo o tempo inteiro e foi titular em todos os compromissos do Vasco no período, ainda com Ramon Menezes e depois da saída do técnico.

German Cano comemora um dos gols do Vasco sobre o São Paulo, em jogo do Brasileirão 2020 - Rafael Ribeiro / Vasco - Rafael Ribeiro / Vasco
German Cano comemora um dos gols do Vasco na vitória sobre o São Paulo, pelo Brasileirão 2020
Imagem: Rafael Ribeiro / Vasco

No Brasileiro, as estatísticas SofaScore registram 15 jogos de Germán Cano, com média de 86 minutos por partida e sete gols, um a cada 183, o equivalente a mais de dois jogos, média, ainda boa, de meio por peleja. Ele finaliza 1,7 vezes por aparição, perdeu quatro grandes chances e não ofereceu assistências. Em média Cano dá 20,3 toques na bola por cotejo.

Pouco participativo, mas frio, preciso nos arremates na área, o argentino encantou a torcida vascaína com um início de campeonato avassalador. Mas a onda do "Ramonismo" durou pouco. Caberá ao novo treinador, o português Ricardo Sá Pinto, fazer com que o time volte a abastecer Cano.

A seca de Cano
Minutos em campo por jogo

0 x 1 Botafogo* - 63
0 x 1 Coritiba - 90
0 x 0 Botafogo* - 90
1 x 1 Bragantino - 90
1 x 4 Atlético-MG - 83
0 x 3 Bahia - 83
1 x 2 Flamengo - 90
0 x 2 Internacional 90
* Copa do Brasil; os demais jogos foram pela Série A

Siga Mauro Cezar no Twitter

Siga Mauro Cezar no Instagram

Siga Mauro Cezar no Facebook

Inscreva-se no Canal Mauro Cezar no YouTube

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL