PUBLICIDADE
Topo

Marcel Rizzo

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Conmebol ignora protocolo e Corinthians e Palmeiras têm jogos antes das 20h

Jogos dos quatro paulistas poderão sofrer ajustes de horário por protocolo - Reprodução
Jogos dos quatro paulistas poderão sofrer ajustes de horário por protocolo Imagem: Reprodução
Marcel Rizzo

Marcel Rizzo - Formado em jornalismo em 2000 pela PUC Campinas, passou pelas redações do Lance!, Globoesporte.com, Jornal da Tarde, Portal iG e Folha de S. Paulo, no qual editou a coluna Painel FC. Cobriu Copas do Mundo, Olimpíada e dezenas de outros eventos esportivos.

Colunista do UOL

12/04/2021 18h12

A Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) ignorou o protocolo aprovado pelo governo de São Paulo para liberar o futebol no Estado: sete dos 15 dos jogos em casa dos times paulistas nas fases de grupos da Libertadores e da Sul-Americana foram marcados para antes das 20h — contando que o Santos confirme a classificação na Libertadores.

Para retomar o Campeonato Paulista, o governo paulista exigiu um protocolo mais rigoroso de combate à covid-19 e um dos principais trechos é o que só permite jogos iniciando após às 20h, horário que começa o toque de recolher (até às 5h). O argumento do Ministério Público, que fez a sugestão, é que partidas iniciando mais cedo têm mais chance de gerar aglomerações em locais públicos e mesmo nos privados. O protocolo feito para a Federação Paulista de Futebol se estende aos torneios da Conmebol.

O blog mostrou na semana passada que o documento da Conmebol com as diretrizes para se realizar os jogos durante a pandemia atende aos pedidos do governo paulista, inclusive com a possibilidade de testagens diárias e de atletas em quartos individuais nos hotéis. O horário das partidas parecia o mais simples de se resolver, até porque os torneios da Conmebol ocorrem sempre de noite, aos meio de semana, mas por ajuste de grade de transmissão alguns encontros foram marcados para as 19h15.

Os sete jogos dos paulistas antes das 20h, com o Santos se classificando (venceu a ida contra o San Lorenzo-ARG por 3 a 1) são os seguintes, todos programados para as 19h15 (horário de Brasília) com exceção de um dos dois do Palmeiras, previsto para as 19h:

20/4 - Santos x Barcelona (EQU)* (Fox Sports) - Libertadores
22/4 - Bragantino x Tolima (COL) (Conmebol TV) - Sul-Americana
29/4 - Corinthians x Uruguai 2 (Conmebol TV) - Sul-Americana
4/5 - Santos x The Strongest (BOL)* (Conmebol TV) - Libertadores
11/5 - Santos x Boca Juniors (ARG)* (Fox Sports) - Libertadores
18/5 - Palmeiras x Defensa Y Justicia (ARG) (Conmebol TV) - Libertadores
27/5 - 19h - Palmeiras x Universitario (PER) (Facebook) - Libertadores

A Conmebol espera que possa haver um relaxamento nas próximas semanas da exigência de jogos começando apenas após às 20h, mas se não houver a confederação está ciente que terá que mexer na tabela — não há, a princípio, risco de os times paulistas jogarem fora de São Paulo, a não ser que o governo proíba novamente a realização do futebol em qualquer horário.

A remarcação do horário das partidas, entretanto, está atrelada ao meio de transmissão. Os jogos da TV Conmebol, o canal de streaming da entidade que tem exclusividade da Sul-Americana e algumas partidas da Libertadores, têm ajuste mais simples dos que os da Fox Sports e do Facebook. O confronto do Palmeiras de 27 de maio contra o Universitario, uma quinta-feira exclusiva do Facebook às 19h, tem flexibilidade menor, mas até lá a Conmebol espera que já haja permissão para partidas noturnas começando mais tarde.

O São Paulo é o único paulista que não terá jogos antes das 21h nas três rodadas como mandante na fase de grupos da Libertadores.

*Se o Santos avançar da terceira fase eliminatória da Libertadores. Se perder do San Lorenzo, vai para a Sul-Americana e terá um confronto apenas previamente marcado para antes das 20h.